NBB: Flamengo engata a quinta vitória consecutiva e chega à marca especial

Atual bicampeão, Rubro-Negro bate o Palmeiras e agora soma 200 vitórias na história do torneio

Por O Dia

São Paulo - O Flamengo engatou o quinto triunfo consecutivo no Novo Basquete Brasil e alcançou uma marca especial no torneio: a 200ª vitória na história do NBB. O Rubro-Negro é o time que mais venceu na competição. A vítima da vez foi o Palmeiras. O clube paulista deu trabalho, mas não resistiu e perdeu por 89 a 85, nesta quinta-feira, em São Paulo.

Benite foi um dos destaques da vitória do Flamengo sobre o PalmeirasDivulgação

Atual bicampeão do NBB, o Flamengo espantou de vez a má fase. O Rubro-Negro conquistou a 16ª vitória em 22 jogos no torneio. O Fla está na terceira colocação. O Palmeiras amargou a 12ª derrota e tem 11 triunfos.

O técnico José Neto fez uma mudança no quinteto inicial do Flamengo. Herrmann começou como titular no lugar de Olivinha. O argentino foi um dos destaques e anotou um duplo-duplo, com 12 pontos e 10 rebotes. Outro hermano do time, Laprovittola também conseguiu dois dígitos em dois fundamentos: 19 pontos e 11 assistências. O cestinha do Fla e da partida foi Marquinhos, autor de 24 pontos, um a mais do que Benite.

Pelo Palmeiras, Fabrício foi o principal pontuador. Ele anotou 18 pontos, um a mais do que Toyloy. O norte-americano deu trabalho ao garrafão rubro-negro. O pivô conseguiu quatro enterradas. O argentino Stanic anotou 15 pontos.

O jogo

O Palmeiras bem que tentou pressionar o Flamengo e até roubou sete bolas no primeiro período. Porém, o clube paulista sofreu com a dupla Laprovittola e Marquinhos. O armador argentino marcou sete pontos e deu duas assistências. Marquinhos anotou 10 pontos na parcial. Eles lideraram a vitória rubro-negra por 21 a 17.

Inspirado, Marquinhos acertou um arremesso de três no início do segundo quarto. Porém, o Palmeiras respondeu com uma corrida de 8 a 0, virou o placar (25 a 24) e forçou o técnico José Neto a parar o jogo. O Flamengo demorou a reagir e viu o rival abrir nove pontos de frente, mas se recuperou no quarto e cortou a diferença para cinco pontos. Régis Marrelli pediu tempo. O Palmeiras melhorou e foi para o intervalo com seis de vantagem: 43 a 37.

O Flamengo voltou do vestiário determinado e logo conseguiu cortar para dois pontos (50 a 48) a vantagem do Palmeiras. Marrelli parou o jogo. O Fla empatou com uma cesta de três de Benite e virou com dois lances livres de Herrmann. O duelo ficou equilibrado e foi igual (65 a 65) para o último quarto.

O jogo ganhou em emoção. Com sequência de pontos de Benite, o Flamengo abriu cinco de vantagem, mas o Palmeiras se recuperou, diminuindo a diferença para um ponto. As duas equipes passaram a errar no ataque. O duelo estava indefinido. O Rubro-Negro, porém, teve frieza nos lances livres para vencer mais um jogo no NBB.