Flamengo fala em 'saída honrosa' para Léo Moura: 'Preservar a imagem'

Lateral-direito tem proposta do Fort Lauderdale Strikers

Por O Dia

Rio - A proposta pegou o Flamengo de surpresa, mas o clube não vai dificultar a ida de Léo Moura para o Fort Lauderdale Strikers, dos Estados Unidos. Agora, o Rubro-Negro vai negociar a saída do lateral-direito, que já falou em tom de adeus. O Fla fala em "saída honrosa".

Léo Moura está de saída rumo ao futebol norte-americanoAndré Mourão

"Se for do interesse do jogador, vamos sentar, negociar, e tudo será feito no sentido de preservar a imagem, a história, tudo aquilo que o Léo Moura fez e tudo o que ele representa para o Flamengo. Nesse momento não há nada de concreto. Ao longo da semana vamos sentar e conversar. Ainda não pensamos na questão da despedida, até porque o contrato do Léo se encerra no fim do Carioca, em 15 de maio. Vamos tentar achar uma saída para os interesses do clube e em especial do Léo, que tem uma história de 10 anos aqui. Tudo isso será preservado para que a gente possa valorizar a história que ele construiu no clube. O Flamengo não tem interesse nenhum em causar qualquer tipo de prejuízo ao jogador. Muito pelo contrário. Tudo que for possível para se ter uma saída de maneira honrosa será feito", declarou Alexandre Wrobel, vice-presidente do Flamengo.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

Após a vitória sobre o Boavista, nesta quinta-feira, pelo Campeonato Carioca, Léo Moura já falou em tom de despedida.

"Acredito que ainda vão ter mais alguns jogos, quero estar dentro do grupo. Na verdade, a gente ainda não formalizou a saída, existe o convite oficial. Eu sempre busquei jogar no Estados Unidos, e Deus abriu essa porta. O convite oficial existe, mas eu ainda não dei adiantamento no processo, até porque tenho contrato com o Flamengo, tenho de respeitar o clube. Acredito que não vai ter problema algum, até porque a diretoria sabe de tudo o que fiz pelo Flamengo. Vamos sentar e ver da melhor forma para oficializar", disse Léo Moura.