Wallace dá apoio a Luxemburgo: 'Acho que essa punição foi ditatorial'

Zagueiro do Flamengo aprova ideia de protestar no clássico

Por O Dia

Rio - Wallace tentou driblar o tema, mas abordou a suspensão dada ao técnico Vanderlei Luxemburgo por ter criticado a Ferj. O Flamengo não terá seu comandante no clássico com o Fluminense, neste domingo, às 18h30, no Maracanã, pelo Campeonato Carioca. A punição e a guerra da dupla Fla-Flu contra a federação monopolizaram as atenções. O capitão rubro-negro defendeu Luxa e contestou a pena de dois jogos.

Wallace contesta punição a Vanderlei LuxemburgoDivulgação

"A questão da polêmica da Ferj, Flamengo, Luxemburgo, não posso nem me expressar porque a Justiça Desportiva já tomou a decisão sobre o Vanderlei. Se eu falar o que eu penso, de repente posso ser punido. Acho que essa punição foi ditatorial. Fala-se tanto sobre democracia e liberdade de expressão, mas, quando você defende os ideais, acaba punido. Isso é ditadura", declarou Wallace, neste sábado, em coletiva após o treino.

LEIA MAIS: Vanderlei Luxemburgo usa 'mordaça', protesta e avisa: 'Não vão me calar'

Luxemburgo foi a julgamento no Tribunal de Justiça Desportiva do Rio (TJD-RJ) pela declaração de que era preciso "dar porrada na federação", no sentido de criticar a entidade em virtude do regulamento que permite a inscrição de apenas cinco juvenis. Ele foi punido com dois jogos, pena baseada no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (assumir atitude contrária à disciplina ou à moral desportiva, em relação a componente de sua representação, representação adversária ou de espectador). O Fla conseguiu uma liminar no STJD que liberava o técnico para o clássico. Porém, a entidade revogou a medida. Desta forma, Luxa está fora do clássico e vai ter de aguardar o julgamento no Pleno do TJD-RJ.

LEIA MAIS: Torcedores do Flamengo protestam contra a Ferj: 'SomosTodosLuxa'

A torcida do Flamengo apoiou o técnico e se manifestou nas redes sociais contra a Ferj com a campanha "#SomosTodosLuxa". O Rubro-Negro também pode fazer algum tipo de protesto no clássico deste domingo. Wallace concorda com a ideia.

LEIA MAIS: Dupla Fla-Flu continua unida em embate com a Ferj

"Não sabemos o que vai ser feito para protestar, mas acho que tem de ser feito, sim. Tanto Flamengo quanto Fluminense discordam da Federação. Se for consenso, vamos ver o que vai ser feito", declarou.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

Na semana do clássico, Flamengo e Fluminense aumentaram o tom contra a Ferj e reforçaram que estão unidos na batalha contra a entidade. Os clubes estudam até a possibilidade de criação de uma liga independente.