Luxa elogia final de jogo do Flamengo, mas alerta: 'Temos que crescer ainda'

Treinador gostou da atuação nos últimos 20 minutos, onde foi buscar o empate, e disse que ficou o aprendizado para o time

Por O Dia

Rio - Após chegar a perder por 2 a 0, o Flamengo precisou ir na raça e buscou o empate em 2 a 2 com o Sport nos últimos 20 minutos no Maracanã. A reação rubro-negra agradou Luxemburgo, mas o treinador fez um alerta a equipe para que a situação não se repita nos outros jogos.

LEIA MAIS: Em jogo dramático, Flamengo empata com o Sport aos 52 minutos do 2º tempo

"Vi uma situação bem clara: se jogarmos como jogamos os ultimos 20 minutos, independente de contra quem seja, se resgatarmos isso que tivemos na última temporada, comprometidos como jogamos em busca de um resultado, esse é o Flamengo que nós queremos. Temos que resgatar o comprometimento, a intensidade de jogo que conseguimos colocar em campo. Conseguimos empatar e poderíamos até ter virado. Se em 20 minutos conseguimos fazer isso, temos que conseguir fazer em 90 também", declarou.

Luxemburgo elogiou a atuação do time no fim da partida, mas fez um alerta para os vacilosFoto%3A Alexandre Brum

O treinador admitiu falhas defensivas nos dois gols do Sport e afirmou que o plano de jogo desenhado por ela para o Flamengo não funcionou: "O jogo estava bem desenhado, eles querendo o contragolpe e a bola parada, pois têm jogadores altos; e a gente na proposta de jogar no campo deles. Em três erros nossos eles conseguiram roubar a bola e sofreram a penalidade máxima. No segundo tempo partimos pra cima, bobeamos mais uma vez e eles fizeram um gol. Futebol você planeja uma coisa, acontece outra. Não dá para combinar com o adversário", disse.

SUPERGALERIA: Confira as imagens do empate entre Flamengo e Sport

Luxa destacou como ponto principal para a reação rubro-negra a entrada de Paulinho no time e os ajustes da equipe no fim do segundo tempo: "Paulinho entrou, está vindo de muito tempo parado. Éverton está voltando a ter ritmo. Futebol não é uma ciêcia exata, temos que jogar, entrosar. No segundo tempo conseguimos alcançar uma característica que gosto muito, de intensidade, mudança de direções. Temos que crescer ainda, vejo que com os treinamentos, com os jogos voltando a ser domingo e quarta podemos crescer. Jogando só no fim de semana não se tem esse ritmo, e os jogadores precisam de ritmo", finalizou.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

Com o empate, o Fla conquista o primeiro ponto no Brasileirão, mas ainda segue sem vencer e está na na 15ª posição. O Rubro-Negro volta a campo no próximo domingo e visita o Avaí, às 16h, na Ressacada, em Florianópolis.