'O segundo tempo do Flamengo foi na raça e na vontade', destaca Everton

Com um jogador a menos, Fla venceu o Coritiba

Por O Dia

Curitiba - Foi na raça, como a torcida rubro-negra exige e gosta. Com um jogador a menos em todo o segundo tempo (Jonas foi expulso aos 45 minutos da etapa inicial, quando o clube carioca já estava em vantagem) -, o Flamengo se desdobrou em campo e segurou o resultado, vencendo o Coritiba, neste sábado, no Couto Pereira. O meia Everton destacou a entrega do time.

"A gente sabe como é difícil jogar no Couto Pereira. Eles são fortes jogando em casa. A nossa equipe está de parabéns. Infelizmente teve a expulsão do Jonas no primeiro tempo e o segundo tempo foi na vontade, na raça e conseguimos a vitória", destacou Everton.

VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Brasileiro

No primeiro tempo, Jonas levou o primeiro amarelo por reclamação. Depois, fez falta, matando contra-ataque, e recebeu mais um cartão do árbitro Guilherme Ceretta de Lima, sendo expulso e deixando o Flamengo na mão. Na etapa final, os atletas se "multiplicaram" em campo para garantir o resultado.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

Com a vitória, a segunda seguida no Campeonato Brasileiro, o Flamengo deixa a zona do rebaixamento. Agora, o time ocupa a 14ª colocação. Na próxima rodada, no sábado, o Rubro-Negro enfrenta o Atlético-MG, às 16h30, no Maracanã.