Sheik marca, Flamengo passa pelo Joinville e deixa a zona de rebaixamento

Rubro-Negro conseguiu resultado importante no Brasileirão

Por O Dia

Santa Catarina - Em Joinville uma sobrevida para Cristóvão e um alívio para o Flamengo. Com gol único de Emerson Sheik, o Rubro-Negro derrotou os donos da casa por 1 a 0 e deixou a zona de rebaixamento do Brasileirão.

Na sequência da rodada, os cariocas vão continuar longe da degola, pois Goiás e Figueirense se enfrentam, com isso, uma das duas equipes vai continuar atrás do clube da Gávea. Na próxima rodada, o Flamengo recebe o Figueirense, no domingo, às 18h30, no Maracanã. Já o Joinville encara o Coritiba, no sábado, fora de casa, ás 15 horas.

Emerson Sheik decidiu para o Flamengo contra o JoinvilleGilvan de Souza / FlaImagem

O JOGO

Atuando em casa, o Joinville começou a partida pressionando o Flamengo. Com menos de dois minutos, os donos da casa criaram uma boa oportunidade, perdida por Kempes. No minuto seguinte, o Rubro-Negro já teve que mexer. Samir sentiu um problema muscular e acabou tendo que ser substituído por Marcelo. 

Aos sete minutos, o Joinville perdeu uma chance incrível que abrir o placar. Depois de cobrança de escanteio, César saiu mal, Douglas Silva cabeceou, mas em cima da linha, Ayrton evitou que a equipe de Santa Catarina fizesse o seu primeiro gol.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

Jogadores do Flamengo comemoram gol de EmersonGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

Com o tempo, o Flamengo foi equilibrando a partida, diminuindo os espaços para o Joinville. Em um belo contra-ataque, Marcelo Cirino perdeu uma grande chance de marcar. Sheik lançou Gabriel que deixou o atacante na cara do gol, mas o ex-jogador do Atlético-PR finalizou muito mal, facilitando a vida de Agenor.

O Flamengo voltou bem mais ofensivo para a segunda etapa. Com apenas seis minutos, Emerson e Gabriel perderam grandes oportunidades, ambos ficaram na cara do gol, mas finalizaram em cima de Agenor. Só que aos nove minutos, os dois se uniram e ajudaram o Rubro-Negro a abir o placar. Gabriel recebeu, cortou a zaga, bateu cruzado, Sheik apareceu dentro da área e colocou para dentro.

Com a vantagem no placar, o Flamengo recuou, dando campo ao Joinville. Só que a equipe catarinense não conseguia acelerar a partida. O duelo ficou muito cadenciado no meio-campo e com isso, o Rubro-Negro se beneficiou e conseguiu segurar o placar que o favorecia.

FICHA TÉCNICA
JOINVILLE 0 X 1 FLAMENGO

Local: Arena Joinville, Joinville (SC)
Renda: R$ 426.230,00
Público: 15.728 pagantes
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Marcelo Bertanha Barison (RS)
Cartões amarelos: Anselmo, Guti e Douglas Silva (Joi); Jonas e Canteros (Fla)
Gol: Emerson (10'/2ºT)

JOINVILLE: Agenor; Dankler, Guti (Niltinho, intervalo), Douglas Silva e Diego; Anselmo, Mário Sérgio, Danrlei (Marcelinho Paraíba, intervalo) e Willian Popp; Kempes e Lucas Crispim - Téc. Adilson Baptista.

FLAMENGO: Cesar; Ayrton, Wallace, Samir (Marcelo, 4'/1ºT) e Jorge; Jonas (Márcio Araújo, 18'/2ºT), Canteros, Everton e Gabriel; Marcelo Cirino (Paulinho, 41'/2ºT) e Emerson Sheik - Téc. Cristovão Borges.