De volta ao Flamengo, Kayke agradece oportunidade: 'clube que me formou'

Atacante, de 27 anos, já está liberado para reestrear pelo clube

Por pedro.logato

Rio - Seis anos depois, Kayke voltou a vestir a camisa rubro-negra. Apresentado no Ninho do Urubu, o atacante, de 27 anos, conseguiu uma nova oportunidade para mostrar no time de cima que o seu sucesso no base do Flamengo não foi pontual. Novamente jogador do clube carioca, o jogador descreveu a sua emoção de retornar à Gávea.

Kayke foi apresentado no Ninho do UrubuGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

"Eu estou muito feliz em retornar ao clube que me formou. Não só como atleta, mas como homem. Estou revendo muita gente, muito gratificante. Sai daqui muito criança. Eu sai do Flamengo muito novo, com 19 anos. Não cheguei a ter muitas oportunidades. Acho até que não estava preparado para a responsabilidade", afirmou.

Sobre Guerrero, apesar de ambos serem jogadores que atuam mais fixos dentro da área, o jogador afirmou que não descarta atuar ao lado do peruano em alguma partida pelo Flamengo.

"Ele é um cara que admiro. É um dos melhores atacantes do futebol brasileiro. Futuramente me vejo atuando junto com ele. Para mim, é uma forma de inspirar e melhorar sempre no dia a dia. Pressão é normal. Costumo ter sorte nas minhas estreias", disse.

Kayke subiu para o time de cima em 2007, após alguns empréstimos para clubes brasileiros como o Macaé e Brasiliense, o atleta foi contratado em definitivo pelo AaB Aalborg, clube pelo qual atuou por dois anos. O jogador retorna ao Flamengo, após belo começo de temporada pelo ABC.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia