Candidatos à presidência do Flamengo participam de debate acalorado

Bandeira, Wallim e Cacau Cotta trocaram farpas nesta quarta

Por O Dia

Rio - Os torcedores do Flamengo tiveram nesta quarta-feira a oportunidade de ver um debate entre os candidatos a presidência do clube carioca. Organizado pela ESPN Brasil, estiveram presentes os três postulantes ao cargo: o atual presidente, Eduardo Bandeira de Mello, o ex-vice presidente de futebol, Wallim de Vasconcellos, e o vice-presidente de administração e do Fla-Gávea na gestão Patricia Amorim, Cacau Cotta. Entre os assuntos abordados pelos candidatos estiveram a gestão financeira do futebol, a participação do Flamengo em assuntos polêmicos como a criação da Liga Sul-Minas-Rio e o litígio com a Ferj e a alta rotatividade dos treinadores rubro-negros nestes três anos de gestão de Eduardo Bandeira de Mello.

O debate teve momentos bastante acalorados. Cacau Cotta fez muitas cobranças a Bandeira de Mello pelos resultados do futebol do Flamengo na sua gestão. Em três anos no comando, o Rubro-Negro se sagrou campeão da Copa do Brasil em 2013 e campeão Estadual em 2014.

Flamengo terá eleições em dezembroReprodução Vídeo

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

"O Flamengo é uma empresa, um clube esportivo. Os resultados financeiros são uma obrigação, não é uma exclusividade de um candidato. A prioridade no Fla é o futebol. Nas últimas 7 Libertadores, por exemplo, o Corinthians disputou 6. Qual objetivo no comando no futebol? Essa gestão investiu 70 milhões no futebol e não teve resultado", criticou.

Ex-aliados, Bandeira de Mello e Wallim de Vasconcellos também tiveram discussões acaloradas. O ex-vice presidente de futebol afirmou que o mandatário rubro-negro não administra bem o clube. "Se eu sou o comandante do barco, você é o comandante do Titanic e vai afundar o Fla. O dia que tiver que ir à Brasília, eu irei. Nos últimos 3 anos, quem liderou o ProFut foi o presidente do Coritiba, e você pegou apenas carona nesse projeto", disparou.

Bandeira de Mello respondeu as críticas sobre os altos valores cobrados pelo Flamengo em jogos no Maracanã. ": ' A gente que ver o Maraca cheio, e ninguém quer prejuízo. Precisamos pagar as contas, reforçar o time. Falei desse tema (Profut), que ninguém conhece. Será que essa 'Raspadinha do Mengão', não pode fazer uma operação casada para diminuir os preços no Maracanã?", disse.

Confira as considerações finais de cada candidato:

Eduardo Bandeira

Os eleitores tem a oportunidade de votar pela continuidade, de uma política que vem dando certo. Uma administração conhecida nacional e internacionalmente. Gerou recursos para investir no futebol. Em 2016, 2017, 2018, o Fla será poderoso de forma sustentável e perene'

Wallim

Quero que você continue acreditando no grupo que mostrou que o sonho pode virar realidade. Aumentamos receita, e vamos realizar o sonho de ser vencedor no futebol. Confie na Chapa Verde, o melhor grupo para administrar o clube. Com Zico apoiando.

Cacau

Você, sócio, torcedor, saiba que comigo o Fla terá comando, diferente dos outros dois aqui ao meu lado. Quem tem que vencer é o futebol do Flamengo. Os dois prometeram um Fla campeão do mundo e são responsáveis pelas 18 rodadas na zona de rebaixamento e apenas 2 na zona de classificação. Os dois tem o mesmo DNA, e se quiser mudança, vote Chapa Branca.