Por edsel.britto
Publicado 22/12/2015 22:28 | Atualizado 22/12/2015 22:40

Ribeirão Preto - No Brasil para participar do amistoso entre Botafogo-SP e Comercial, em Ribeirão Preto, Samuel Eto'o esbanjou simpatia em sua chegada e revelou ter sido procurado por um clube brasileiro em 2014, interessado em sua contratação. Porém, não disse quem fez essa consulta.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

"Há um ano, houve uma bonita oportunidade para jogar no futebol daqui, mas que não aconteceu. Só não posso dizer qual clube foi", disse o camaronês em entrevista à ESPN Brasil.

Eto'o admitiu que foi procurado pelo Fla em 2014 e não descartou atuar no futebol cariocaReuters

Porém, logo após a declaração do atacante, o ex-jogador Raí apareceu e revelou que o time que procurou Eto'o foi o Flamengo. Após a revelação, o camaronês apenas sorriu e escondeu o rosto, mas confirmou a procura do Rubro-Negro em 2014. Além disso, o jogador não descartou uma transferência futura para o futebol carioca.

"Nunca se sabe o que vai acontecer amanhã. Eu sigo curtindo jogar futebol. Quem iria dizer que eu ia jogar na Turquia, na Rússia. Eu fui, foram oportunidades. Adoraria jogar aqui, principalmente pela torcida, que é o mais importante. Se aparecer a oportunida, porque não vir para cá e desfrutar o futebol daqui", disse.

Em outro momento da entrevista, Eto'o viu alguns lances de Obina, já que a torcida do Fla diz que o ex-atacante do clube é melhor que o camaronês. Após ver alguns momentos, o jogador do Antalyaspor se disse impressionado com Obina e o convidou para um jantar.

Eto'o vai jogar 50 minutos no Botafogo e 40 no Comercial no clássico "Come-Fogo"Reprodução Twitter

"Obina é melhor (risos)! Fico feliz com a brincadeira, dois brasileiros já haviam me falado dela: o Ronaldinho e depois o David Luiz, que me mostrou o vídeo de 50 mil pessoas cantando isso. Disseram que o Obina é um cara incrível, que vem de família humilde e é um trabalhador. Então, Obina, quando quiser, está convidado para jantar e conversar", destacou.

Obina, aliás, foi convidado pela diretoria do Botafogo-SP para a partida, mas não respondeu ao chamado. Atualmente, o centroavante atua no futebol japonês.


Você pode gostar