'Flamengo ainda não tem alternativa ao Maraca, após fechamento', diz Bandeira

Clubes do Rio de Janeiro não vão poder mandar jogos no estádio no primeiro semestre de 2016

Por O Dia

Rio - Em entrevista coletiva nesta quinta-feira, o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, falou sobre o futuro do clube no ano que vem sem o Maracanã. Com o estádio fechado para os últimos ajustes da Olimpíada, o Rubro-Negro terá que procurar outro lugar para mandar os seus jogos no primeiro semestre. O mandatário não reveleu qual será o local escolhido pelos cariocas.

Flamengo ainda não tem alternativa ao MaracanãMárcio Mercante

"Ainda não existe uma definição precisa. Não poderemos usar o Maracanã, e temos que partir para solução alternativa. Inicialmente poderíamos contar com o Maracanã até abril, mas vamos ter que buscar essa solução a partir de janeiro ou fevereiro.", afirmou.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

Perguntado se o Flamengo poderá gerir sozinho o Maracanã, em caso de ruptura do Consórcio com o estádio, o presidente afirmou que qualquer decisão sobre o futuro do estádio vai passar pela opinião do Rubro-Negro.

"Flamengo é o principal conteúdo do futebol do Rio, e nada pode ser feito desconsiderando o Flamengo. Mas temos que esperar quais serão as condições", disse.