Flamengo aposta na correria de Rodinei

Lateral-direito é uma das apostas do Rubro-Negro no ano

Por O Dia

Rio - Rodinei, 23 anos, paulista de Tatuí, quase se esconde na areia de tanta timidez. O número de profissionais de imprensa à sua espera assusta, confessou a Chiquinho, enquanto os dois esperavam para serem apresentados, nesta quarta-feira, em Mangaratiba. Mas, em campo, ele terá que botar a cara no ataque e na defesa para se manter como titular de Muricy Ramalho.

Rodinei começa em alta e como titular do FlamengoGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

“Ele (Muricy) disse para mim e para os outros: ‘Bota na frente que o neguinho corre (risos)’. Por enquanto, só tem pedido isso. Pede para eu fechar a defesa também, mas ainda não tivemos muitas conversas”, revelou Rodinei, sem esconder os efeitos do choque de realidade.

“É um privilégio começar como titular com o Muricy. É um novo desafio, sou novo ainda. Mas estou no Flamengo para ajudar. É um sonho de garoto, algo que batalhei a vida inteira. Não acredito até agora. Até falei com o Chiquinho: ‘Imagina a hora de chegar e olhar aquelas câmeras todas?’ Com todo respeito à Ponte Preta, que me projetou, lá eram duas ou três só. Estou até tremendo todo. Não acordei do sonho ainda”, admitiu o lateral, que teve 50% dos direitos adquiridos pelo Flamengo e assinou contrato por quatro anos.

Já para Chiquinho, a badalação não é novidade. Com passagens por Atlético-MG, Corinthians, Fluminense e Santos, tem agora como objetivo provar seu valor, já que seu contrato é de empréstimo por um ano.

“Se tiver a oportunidade de fazer gol no Flu, vou comemorar”, avisou.