Flamengo enfrenta o Boavista e estreia no Carioca no embalo de Guerrero

Atacante peruano desencanta e comanda o time

Por O Dia

Rio - Embalado pela vitória sobre o Atlético-MG por 2 a 0, com dois gols de Guerrero, o Flamengo estreia neste sábado no Carioca, contra o Boavista, às 19h30, em Edson Passos. O local da partida tornou-se motivo de polêmica no fim da tarde desta sexta-feira. A Defesa Civil interditou o estádio do América alegando risco de desastre. A diretoria do Flamengo, no entanto, apresentou todos os laudos necessários para a realização do jogo. Os dirigentes do América garantem que farão de tudo para que o impasse seja resolvido.

Clique na imagem e confira o info sobre o Flamengo no CariocaFernando Michel/Agência O Dia

A meta do técnico Muricy Ramalho é manter o time que fez bonito na Primeira Liga, mas, nesta sexta-feira, na Gávea, Chiquinho e Marcelo Cirino treinaram nas vagas de Gabriel e Sheik. Estes dois fizeram trabalho de reforço muscular na academia e podem ser poupados. O time do Fla deve ir a campo com Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão, Gabriel (Chiquinho) e Everton; Sheik (Marcelo Cirino) e Guerrero. Leonardo Garcia Cavaleiro apita o jogo.

Após quebrar jejum de cinco meses sem balançar a rede, o alívio estava estampado no sorriso de Guerrero, nesta sexta, na Gávea - ele esbanjou descontração no recreativo. Após tomar banho, posou para fotos e distribuiu autógrafos aos fãs.

“Obrigado pela educação, Guerrero”, agradeceu um dos torcedores, fantasiado de Chapolin.

Sem poder contar com Alan Patrick, Mancuello e Cuéllar, não regularizados, Muricy ainda tenta dar cara ao Rubro-Negro. Além da posse de bola, treina com frequência a saída em velocidade no contra-ataque.