Por renata.amaral

Rio - As falhas da zaga do Flamengo foram cruciais na eliminação do time do Campeonato Carioca. Juan, que estava suspenso, não participou do clássico contra o Vasco, e viu seu substituto, César Martins, falhar em momentos importantes da partida. Mesmo sem participar do jogo, o zagueiro, peça importante do elenco rubro-negro, lamentou a derrota, mas negou ter faltado 'algo mais' e focou na evolução do time.

"Não é questão de dar algo mais. É evoluir como time. Agora temos que pular etapas, aprender. Depois de perder, tem que aprender e assimilar. Não pode esquecer disso, mas olhar para frente e trabalhar mais. Às vezes a derrota dá lição maior do que vitória. É aproveitar isso, sofrer, mas trabalhar ao mesmo tempo. Temos que lembrar disso para não viver de novo", definiu o zagueiro, que completou:

Juan já está focado na Copa do BrasilDivulgação

"Todo momento de derrota é difícil, ainda mais no Flamengo, onde se vive sempre lados opostos. Maravilhoso quando ganha, e quando perde é a mesma proporção para o lado negativo. É colocar a cabeça no lugar, pensar bem no que fizemos nesses quatro meses. Com certeza evoluir muito porque vai começar o Brasileiro, que é mais difícil do que Primeira Liga e Carioca."

Apesar do momento ruim pelo resultado no Carioca, o Flamengo já mirou no próximo compromisso. O Rubro-Negro se programa para voltar a jogar na próxima quarta-feira, apesar da data ainda não estar confirmada. O adversário será o vencedor do confronto entre Fortaleza e Imperatriz, nesta quinta-feira.

"Fico muito chateado por ser eliminado e não disputar o título, que era objetivo nosso. Era uma chance de jogar no Maracanã, queríamos que acontecesse. Agora temos o Campeonato Brasileiro pela frente, que é muito difícil de jogar. Se olharmos só para o que aconteceu não vamos consertar nossos erros. É preciso dar resposta positiva já na semana que vem, na Copa do Brasil", concluiu Juan.

Você pode gostar