Rodinei lamenta situação de Wallace e Juan deseja boa sorte ao companheiro

Depois do comunicado do zagueiro pedindo para sair do Flamengo, colegas falam em tom de despedida do ex-capitão

Por O Dia

Rio - A estreia do Flamengo no Campeonato Brasileiro com vitória por 1 a 0 sobre o Sport não foi o único assuntos nas entrevistas após a partida. Na sexta-feira à noite, o ex-capitão Wallace pediu para não jogar mais e ser negociado pelo Rubro-Negro. Apesar da diretoria ainda não ter definido nada em relação a situação do defensor, seus companheiros deram declarações sobre o caso em tom de despedida.

"Tem momentos na carreira de jogador que é complicado, é frustrante. A coisa não deu certo e infelizmente o Wallace nos deixou, mas agora vamos torcer, independentemente do lugar onde ele está, vamos torcer por ele porque ele é uma excelente pessoa", lamentou Rodinei.

Rodinei lamentou a situação vivida por Wallace no Flamengo após pedir para ser negociadoGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

Já Juan desejou boa sorte ao companheiro de zaga durante o início desta temporada e destacou a honestidade de Wallace: "O Wallace foi um grande companheiro, sempre foi muito honesto dentro do nosso grupo, um cara muito respeitado e merece nossa confiança. Boa sorte na decisão que ele tomar, espero que seja a melhor para ele", afirmou Juan.

Wallace tem contrato até o final de 2018 e estaria na mira do Grêmio. O clube gaúcho, no entanto, teria interesse em levá-lo por empréstimo, até o final do ano, mas a intenção do Rubro-Negro é que ele saia em definitivo.