Flamengo em busca da simplicidade

Zé Ricardo estreia como interino e deve mexer pouco no time de Muricy

Por O Dia

São Paulo - A semana foi conturbada, o clima está pesado e o adversário tem bom retrospecto jogando em casa. Essas são algumas das dificuldades que serão encontradas pelo técnico interino Zé Ricardo no jogo de hoje, 11h, contra a Ponte Preta no Moisés Lucarelli.

Zé Ricardo vai reencontrar velhos conhecidos no time profissional do Flamengo já que o goleiro Thiago, o volante Ronaldo e o atacante Thiago Santos foram campeões da Copa São Paulo de Juniores, em janeiro, sob o comando do técnico e hoje treinam entre os profissionais. Além deles, Léo Duarte e Felipe Vizeu também estiveram na conquistas e hoje devem ser titulares da equipe.

Zé Ricardo faz a sua estreia como técnico interinoGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

Em um primeiro momento, Zé Ricardo não deve mexer muito no time que vinha sendo escalado por Muricy Ramalho e Jayme de Almeida e deve escalar a equipe no 4-4-2, tão pedido pelos torcedores.

“Não conhecia o Zé Ricardo, mas acompanhei o trabalho dele na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Hoje, foi um treino tranquilo, visando o jogo contra a Ponte Preta. O momento está difícil, mas quem trabalha no futebol sabe que existem os momentos bons e ruins. Os jogadores conversaram com ele para dar todo o apoio. A única coisa que vai nos tirar dessa situação é o trabalho”, explicou o lateral-direito Rodinei, que enfrentará seu ex-time pela primeira vez e não negou o sentimento especial pela Macaca.

“Fico muito feliz. Desde que saí de lá espero por esse momento. É um clube pelo qual eu tenho um carinho muito grande, mas agora estou focado no Flamengo. A postura tem que ser a mesma de todas as partidas, vamos procurar propor o jogo. Não podemos chegar lá e ficar esperando eles atacarem. Precisamos jogar com personalidade e alegria para buscar a vitória”.