Para não sofrer pressão, Zé Ricardo projeta Flamengo 'sempre perto do G-4'

Técnico interino também ressaltou importância da torcida

Por O Dia

Rio - Zé Ricardo assumiu o comando do Flamengo em meio a um ano de crise. Com tranquilidade, conseguiu acalmar os ânimos e fazer com que o time se encontrasse em campo. Com duas vitórias em dois jogos, o treinador interino levou o Rubro-Negro rumo ao G-4 do Campeonato Brasileiro, e já afirma: dali não pretende sair.

"Queremos trazer a torcida novamente. Ela precisa apoiar esses rapazes. A torcida é muito forte e ajuda muito. Está só no início, mas ficar bem próximo do G-4 nas rodadas seguintes nos dará confiança e, quem sabe mais para frente, conseguimos dar um sprint. É bom ficar sempre perto do G-4 para não sofrer pressão", disse Zé Ricardo.

Acostumado com o trabalho no Flamengo, o técnico quer contar com um diferencial que não tinha nas categorias de base: a torcida. Sempre pedindo apoio para os jogadores, Zé Ricardo vê a força do time rubro-negro vindo justamente das arquibancadas.

"É uma situação nova, porque na base tem torcida, mas sem essa pressão. Fico tranquilo porque quando você está num time grande isso vai acontecer. Recebo o carinho da torcida e fico feliz com esse apoio. Gostaria que os jogadores também tivessem esse apoio, porque com a força da torcida temos tudo para sermos mais fortes. Com a pressão vou ter que saber lidar, mas outros resultados podem acontecer, e na adversidade a torcida cobra. Tem que ter equilíbrio para lidar", definiu.

O Flamengo se prepara para encarar o Palmeiras na próxima rodada, no domingo, às 16h, no Mané Garrincha. Com os mesmos dez pontos de Grêmio e Corinthians, o Rubro-Negro é o quarto colocado na tabela do Brasileirão.