Técnico do Flamengo lamenta falta de competência na criação de jogadas

Zé Ricardo parabenizou o Figueirense pelo resultado e justificou dizendo que adversário foi mais competente

Por O Dia

Santa Catarina - Se antes Zé Ricardo comemorava o bom começo no comando do Flamengo, agora já pode ser a hora de ligar o sinal de alerta, após duas derrotas consecutivas. Ainda assim, o técnico interino mantém a calma e a tranquilidade. Com futuro incerto à frente do time rubro-negro, o treinador defende a qualidade e a filosofia da equipe.

"A gente sabe que o resultado faz diferença em todos os esportes. Eu mantenho que estou tranquilo, desde o primeiro jogo contra a Ponte Preta. Faço o melhor das intenções. Os atletas compraram a ideia. Evoluímos em alguns pontos. Infelizmente a questão circunstancial foi a bola não entrar. O Figueirense está de parabéns pela postura. Depois do gol, soube se defender, especialmente na segunda etapa. Eles foram mais competentes neste ponto. Tentamos criar, mas não tivemos a competência de outros jogos", analisou Zé Ricardo, que completou:

"Uma competição com 38 jogos obriga a ter elenco forte. O Flamengo tem. Perdemos o Fernando um pouco antes do jogo, mas o Everton foi bem. Algumas variações ocorrem de jogo para jogo. O grupo... eu fico tranquilo. Pontualmente, trazendo algum reforço, como foi com o Vaz, ainda tem a volta do Guerrero. Vamos brigar na parte de cima da tabela."

O Flamengo, que se afastou um pouco mais do G-4 do Campeonato Brasileiro, é o sexto colocado, com dez pontos. O próximo desafio rubro-negro será na quarta-feira, às 21h45, contra o Cruzeiro, no Mineirão.