Bandeira mantém futuro de Zé Ricardo em aberto: 'Vai ficar o tempo necessário'

Presidente do Flamengo reforçou confiança no técnico, assim como fez Mozer, ex-jogador e novo gerente de futebol do clube

Por O Dia

Rio - Zé Ricardo assumiu o comando do time do Flamengo como técnico interino, após a saída de Muricy Ramalho, mas parece que não tem data para deixar o cargo. Na ocasião, o vice-presidente de futebol do clube, Flávio Godinho, garantiu que a situação seria resolvida com a 'brevidade possível'. Ainda sem previsão para substituir o treinador, Eduardo Bandeira de Mello explicou a declaração do dirigente.

"Brevidade possível pode ser 15 minutos, dois meses, três meses ou nunca. Ele é nosso treinador, vai ficar o tempo necessário para servir ao Flamengo", explicou Bandeira.

Mozer, que foi apresentado como novo gerente de futebol na manhã desta terça-feira, também comentou sobre o cargo do treinador e garantiu que trabalhará com ele da melhor forma possível.

"Não sei se a direção está buscando treinador estrangeiro, o Flamengo tem treinador que é o Zé Ricardo. Extremamente vencedor no clube que está inserido. Foi promovido com a impossibilidade do treinador anterior. Tem confiança nele, senão não faria sentido ficar com o Zé Ricardo. É um homem que tem feito percurso brilhante nas camadas jovens. Tem na totalidade do grupo profissional a aceitação. Não acredito que possa vir treinador, não acredito que possa vir outro treinador. Não sei se ele é interino. O presidente quem decide se treinador é bom ou não. Nunca ouvi falar se ele é interino. Aquilo que vejo e a confiança que temos é num nome: Zé Ricardo. A melhorar, a dialogar, sobe e transita. A formação é diferente, a responsabilidade é outra: do júnior e sênior", concluiu Mozer.