O efeito Diego: meia alavanca programa sócio-torcedor e venda de camisas

Número 35 é a nova febre da torcida nas lojas do Flamengo

Por O Dia

Rio - O efeito da contratação de Diego teve o resultado esperado pela diretoria do Flamengo e deu um grande impulso ao outrora combalido programa de sócio-torcedor - até a venda de uniformes do clube, em época de crise econômica no país, aumentou. Torcedores buscam as camisas do apoiador e o número 35 é a nova febre nas lojas do clube.

Bem na foto%3A Diego já caiu nas graças da torcida do FlamengoMárcio Mercante / Agência O Dia

Com a chegada de Diego, a venda de camisas quase triplicou. Os números 3 e 5, que pertencem a César Martins, que deixou o clube, e Willian Arão, respectivamente, nunca estiveram entre os mais vendidos, mas agora, com Diego, têm feito os lojistas correrem atrás.

No programa de sócio-torcedor, a chegada de Diego fez com que o clube voltasse a ganhar adeptos, o que não acontecia desde outubro do ano passado. O Flamengo ainda é o clube que mais perdeu sócio-torcedores em 2016 - só nesta semana conseguiu 626 novas adesões, sendo 126 apenas nesta quinta-feira.

O zagueiro Juan conhece bem Diego. Foi adversário no Campeonato Alemão quando defendia o Bayer Leverkusen e o meia, o Werder Bremen. Na Seleção, foram companheiros nos títulos das Copas América de 2004 e 2007. Na primeira conquista, Adriano empatou contra a Argentina no fim, e, nos pênaltis, Diego converteu a terceira cobrança e Juan fechou a disputa em 4 a 2 para o Brasil.

“Fiquei bem feliz, porque é um grande jogador acima de tudo. Depois de tanto tempo de Europa, ele escolheu o Brasil, sinal de que o trabalho dentro e fora de campo vem sendo bem feito pelo clube. É um nome internacional, e isso dá respeito ao clube. É um jogador de grupo, positivo, vitorioso. Vai ser um exemplo para o grupo e vai elevar nosso nível técnico”, avaliou.

Juan ainda comentou a recepção da torcida ao jogador: “Foi bom para ele ver o que é o Flamengo. Foi só o começo. Ele pôde ver até onde pode ir essa idolatria se for bem.”

Boas notícias em campo

Além da contratação de Diego, o técnico Zé Ricardo tem mais motivos para comemorar. Alan Patrick está recuperado de lesão muscular e pronto para voltar ao time. Leandro Damião já treina com o elenco e pode ser opção para o duelo com o lanterna América-MG, nesta segunda-feira. Além disso, o zagueiro argentino Donatti é outro que vive a expectativa de ser relacionado para fazer sua estreia pelo Flamengo.

Quem se destacou no treino desta quinta-feira foi o meia Adryan, que chegou a ser testado entre os titulares. O jogador, que voltou recentemente de empréstimos ao Leeds United e Nantes, tem sido muito elogiado pelo treinador.