Zé Ricardo admite dia de torcedor na partida contra o Cruzeiro

'Virei torcedor ali naquela fração de segundo', diz o técnico sobre a comemoração após o gol de Mancuello, que decretou a virada do Fla

Por O Dia

Rio - Cinco minutos foram suficientes para o Flamengo garantir a explosão da torcida em Cariacica, no último domingo, diante do Cruzeiro. Bastou o curto espaço de tempo para que Gerrero e Mancuello garantissem a virada diante da Raposa, por 2 a 1. Com o importante resultado, o Rubro-Negro se mantém na cola do líder Palmeiras, com apenas um ponto de diferença. Quem também não conteve as emoções com a reação em campo foi o técnico Zé Ricardo, que admitiu ter comemorado como torcedor.

Zé Ricardo comemorou a reação do Flamengo diante do CruzeiroGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

"Me excedi um pouco, virei um torcedor ali naquela fração de segundo. É uma energia muito boa que os jogadores passam, comemoração sempre assim. Hoje fiz parte daquela comemoração, comemorei junto com eles. Zero de problema. Dá gosto ir para o CT todo dia trabalhar e ver o resultado. (O segundo gol) foi uma troca de passes muito inteligente, sabendo aproveitar o momento."

O Flamengo contou com o banco de reservas para garantir o importante resultado. Mancuello, Fernandinho e Alan Patrick foram peças importantes para a virada do Rubro-Negro. O técnico Zé Ricardo afasta o mérito pelas substituições que mudaram a figura da partida e valoriza a força do elenco.

"Estrela é consequência de muita coisa, principalmente de trabalho. A estrela é deles, que entram e conseguem fazer modificação na partida. Mérito é totalmente dos atletas. É um grupo que gosta de estar junto, trabalhar. Temos que manter humildade e pés no chão. Estivemos próximos de perder a partida, a força que o grupo tem nos empurrou para a vitória. Um pouco de sorte faz parte do processo", disse o treinador.

Com 53 pontos, a equipe da Gávea se mantém a vice-liderança do Brasileirão - com apenas um ponto de diferença para o líder Palmeiras. O Rubro-Negro se prepara para o duelo com o São Paulo, neste sábado, às 16h, no Morumbi.