Flamengo tem exigência atendida e renova contrato para transmissão do Estadual

Presidente Bandeira de Mello desejava maior valorização do clube e as negociações emperraram por conta das exigências do mandatário

Por O Dia

Rio - O torcedor do Flamengo pode respirar aliviado. Depois de uma longa negociação sobre os direitos de transmissão do Campeonato Carioca, o presidente Eduardo Bandeira de Mello teve uma de suas principais reivindicações atendida e fechou o acordo, que precisa apenas do aval do Conselho Deliberativo para ser assinado.

Bandeira de Mello não queria ceder às suas exigências para fechar com a GloboGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

A votação do Conselho deve acontecer na próxima quinta-feira. Como o Flamengo estreia no sábado, o tempo seria suficiente para que a primeira partida do clube fosse transmitida na TV aberta. A renovação do contrato com a Globo vale por três anos.

O Rubro-Negro exigia receber uma cota maior que a dos outros quatro grandes. Segundo o Uol, os valores ainda não foram revelados e, por conta disso, não é possível saber se tal exigência foi cumprida. No entanto, o desejo de Bandeira de Mello de que o dinheiro da cota não passasse pelas mãos da Ferj foi atendida.

Os ganhos do Flamengo eram de R$ 7,5 milhões com o Estadual, valor idêntico ao que Fluminense, Vasco e Botafogo recebiam. No entanto, a expectativa é de que esse valor tenha se multiplicado para 2017. O clube estreia no dia 28, contra o Boavista.