Guerrero comenta provocações e afirma que Flamengo merecia mais a vitória

Atacante rubro-negro falou sobre tática de Rodrigo, mas garantiu não ter caído na pilha do rival, conhecido por tentar desestabilizar adversários

Por O Dia

Rio - Em clássicos com rivalidade histórica, é natural que provocações aconteçam entre torcedores e até mesmo jogadores. Com Flamengo e Vasco não é diferente. Antes da semifinal do Carioca, o atacante Paolo Guerrero havia provocado o rival. Durante o jogo, foi a vez de Rodrigo tentar desestabilizar o centroavante, que não caiu na pilha.

Guerrero provocou o Vasco, mas levou a melhorGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

O zagueiro vascaíno é conhecido por sempre provocar seus adversários. No clássico deste sábado, a tática foi utilizada novamente. Guerrero falou sobre as tentativas de Rodrigo, mas afirmou que venceu o duelo particular entre os dois.

"Ele que fica tentando me tirar do jogo, mas eu mantive a calma. Fiquei firme e concentrado no jogo e não caí na provocação dele", garantiu o atacante rubro-negro.

Ao afirmar que "o Flamengo é sempre favorito contra o Vasco", Guerrero desencadeou uma série de reações nos rivais. O assunto gerou repercussão até o dia do clássico e o atacante encara isso com naturalidade.

"É do jogo. Está ligado ao futebol. Agora é manter calma, descansar a mente para tentar ganhar essa taça. A gente sabia que tinha que entrar em campo ligado, que ia ser um jogo bem pegado. Pelo momento e união do time, merecíamos ganhar. Conseguimos mostrar mais uma vez que o time está para brigar por muita coisa."

A decisão da Taça Guanabara será no próximo domingo, contra o Fluminense. A partida ainda não tem local definido e a FERJ tenta liberar o Maracanã para a final do primeiro turno.