Conca sai do Flamengo? Diretoria nega crise: 'esperamos que cumpra o contrato'

Há quatro jogos o argentino não entra em campo pela equipe rubro-negra

Por O Dia

Rio - A decisão da comissão técnica de não relacionar o meia Darío Conca para o jogo desta quarta-feira, diante do Palestino, criou um clima de incerteza sobre sua permanência no clube.

Conca segue sem jogar pelo FlamengoAlexandre Brum / Agência O Dia

Mesmo com a escolha de poupar os principais jogadores, o argentino nem sequer foi escolhido entre os vinte atletas que viajaram para o Chile. O diretor de futebol, Rodrigo Caetano, no entanto, minimizou a situação.

“Conca não veio por decisão da comissão técnica. Só podem ser relacionados 18 atletas para a partida. Mas não existe nada por ele. Esperamos que cumpra o contrato, colaborando quando solicitado pela comissão técnica”, disse o dirigente.

Contratado em meio ao processo de recuperação de uma cirurgia no joelho esquerdo — passou cerca de dez meses sem jogar —, Conca desentendeu-se com Zé Ricardo há quase um mês. Ele se sentia pronto, mas o técnico relutava em escalá-lo.

Contornada a crise, o meia ficou no banco contra o Avaí. Só estreou, porém, na rodada seguinte, diante da Ponte Preta. Na sequência, no Fla-Flu, recebeu nova chance.

Nas duas partidas subsequentes, no entanto, o argentino permaneceu no banco até o fim da partida, embora nos jogos no Rio, contra Chapecoense e Santos, a torcida tenha gritado seu nome. Domingo, nem relacionado foi para o duelo com o São Paulo. E nesta quarta, não viajou para enfrentar o Palestino.