Rueda pede mais trabalho no Flamengo e estabelece G-4 como meta

Rubro-negro perdeu para a Ponte Preta e permaneceu na sétima posição

Por O Dia

São Paulo - Muito desfalcado, o Flamengo foi derrotado pela Ponte Preta, nesta segunda-feira, no Moisés Lucarelli. A equipe carioca não teve uma grande atuação, mas Rueda enxergou alguns pontos positivos no time rubro-negro.

"Foi um jogo muito intenso, mas não tivemos a sorte de somar. Um rival com muita intensidade e que precisava do resultado. Encontrou o gol para a sorte deles e infelizmente para nós. O time se entregou. Flamengo teve organização, dinâmica e buscou o gol adversário, mas não estivemos afinados para finalizar", disse.

Reinaldo Rueda concedeu entrevista após derrotaGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

Com o resultado, o Flamengo se mantém na sétima colocação e estaria na Libertadores do ano que vem por conta da vaga herdada do Cruzeiro, quinto colocado e campeão da Copa do Brasil. O técnico afirmou que o objetivo é ficar entre os quatro primeiros para evitar a pré-Libertadores.

"Essa é a meta (evitar a pré-Libertadores). Saber que o nosso compromisso é com a vaga na Libertadores. Se a conseguirmos diretamente para os grupos, melhor. Mas temos que trabalhar e conseguir os resultados que nos posicionem melhor. A posição de quinto e sexto são difíceis. Temos que falar menos e trabalhar melhor", afirmou.