Com Fred e Conca, Fluminense cede empate para o Bonsucesso no Maracanã

Tricolor segue sem vencer no Carioca

Por pedro.logato

Rio - Na volta de Conca ao Maracanã e Fred aos gramados, Carlinho, que também retornava e fazia aniversário até fez o Flu sair na frente, mas o Tricolor recuou e acabou cedendo o empate para o Bonsucesso: 1 a 1.

Na próxima rodada, o clube das Laranjeiras pega o Nova Iguaçu, no domingo, às 17 horas, no Raulino de Oliveira. Enquanto isso, o Bonsucesso recebe o Boavista, na mesma hora e dia.

>>> MAIS CARIOCA: Confira a classificação e a tabela do torneio

Fluminense teve dificuldades contra o BonsucessoAndré Luiz Mello / Agência O Dia

O JOGO

O primeiro tempo entre Fluminense e Bonsucesso foi bastante aberto. As duas equipes mostraram um futebol ofensivo e, também por conda das falhas defensivas de ambos, muitas oportunidades foram criadas.

>>> MAIS CARIOCA: Notícias, tabela e a classificação do Estadual

Com oito minutos, o time suburbano criou a primeira oportunidade do jogo. Após cruzamento, a zaga do Flu não afastou e a bola ficou sendo oferecida dentro da área do clube das Laranjeiras, porém, nenhum atleta do Bonsucesso aproveitou. Um minuto depois, os donos da casa responderam. Após bela tabela entre Conca e Fred, Sobis finalizou assustando o goleiro Rodrigo Viana.

>>> Confira as imagens do empate do Fluminense no Maracanã

Apesar do equilíbrio, o Flu tinha o domínio da posse de bola. Aos 12, Fred tocou para Sobis, que finalizou para defesa de Rodrigo. Dois minutos depois, nova resposta do Bonsucesso, Luiz Otávio subiu sozinho, mas cabeceou para fora.

Aos 28 minutos, o Fluminense perdeu uma chance incrível. Após cruzamento, Carlinhos e Elivélton foram na mesma bola, mas o defensor acabou tirando a bola da trajetória do gol. Aos 36 minutos, foi o Bonsucesso que perdeu uma grande oportunidade. Nil, recebeu em boas condições, mas chutou por cima de Cavalieri.

No último lance do primeiro tempo, os donos da casa até balançaram as redes, porém a jogada foi anulada. Após cabeçada de Carlinhos na trave, Elivélton completou para o gol, mas o jovem estava impedido.

O segundo tempo começou bem parecido com o primeiro, apesar das equipes terem trocado de uniforme. Porém, aos nove minutos o Flu conseguiu marcar. O aniversariante do dia, Carlinhos, fez bela jogada pela esquerda, trouxe para o meio e chutou de direita, marcando um belo gol.

O gol fez o Fluminense relaxar na partida e procurar menos jogadas ofensivas. Por conta disso, o Bonsucesso passou a ter menos espaços para contra-ataques e as chances para as duas equipes diminuiram.

Porém, aos 22 minutos, o Bonsucesso chegou com perigo. Bruno dominou mal a bola e o time suburbano puxou contra-ataque pela direita, Renan cruzou e por pouco Lipe não deixou tudo igual.

Aos 32 minutos, o Tricolor foi quase do céu ao inferno. Conca de belo passe para Fred, que na cara do gol, perdeu a chance. A jogada continuou e no contra-ataque, Nil deixou tudo igual para o Bonsucesso.

No fim, Rafael Sobis ainda teve uma grande chance, mas acabou chutando para fora, perdendo boa chance para o Flu. Nos acréscimos, o atacante ainda cobrou uma falta na trave, mas a partida terminou mesmo empatada.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1 X 1 BONSUCESSO

Estádio: Maracanã
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo 
Público pagante: 15.357 pagantes
Cartões amarelos: Gum (Fluminense); Marlon (Bonsucesso)
Cartões vermelhos: _

Gols: Carlinhos (Fluminense), 9'/2ºT (1-0); Nill (Bonsucesso), 35'/2ºT (1-1)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno (Rafinha, 29'/2ºT), Gum, Elivélton e Carlinhos (Chiquinho, 15'/2ºT); Valencia, Diguinho (Biro Biro, 38'/2ºT), Jean e Conca; Rafael Sobis e Fred - Técnico: Renato Gaúcho

BONSUCESSO: Rodrigo Viana, Iago Soares, Luiz Otávio, Da Silva e Marlon; Alexandre Carioca, Allan, Geovane (Michel, 38'/2ºT), Yago Morais (Renan, 11'/2ºT) e Nill; Samuel Lopes (Lipe, 18'/2ºT) - Técnico: Ricardo Barreto

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia