Por pedro.logato

Rio - No ano que promete ser o mais marcante de sua carreira, Fred enraizou ainda mais seu nome na história do Fluminense com o gol marcado no empate com a Cabofriense, pelo Campeonato Carioca. Além de evitar a derrota em Macaé, o atacante entrou para a seleta lista dos dez maiores artilheiros do clube. Com 114 gols, ele divide o décimo lugar com o também ídolo Magno Alves.

Fred alcançou marca importanteDivulgação

Preferido de Felipão para vestir a camisa 9 do Brasil, Fred usou as redes sociais para compartilhar sua alegria com o feito. Em evolução, o atacante trabalha para superar a desconfiança sobre sua condição física e, aos poucos, os gols começam a reaparecer no momento em que o Fluminense mais precisa, como no suado empate com a Cabofriense.

“Cada gol tem uma história, é especial em sua maneira. Parece que foi ontem que cheguei aqui, mas já se foram 114 gols e quase cinco anos de estrada. É uma honra, para mim, integrar um grupo tão seleto, estar entre jogadores que foram ídolos máximos do clube e ajudaram o Fluminense a construir essa história tão bonita. Que venham muito mais gols e, principalmente, outras tantas conquistas”, postou Fred.

Com média de 0,62 gols a cada partida, o capitão tricolor supera Magno Alves, com 0,43, e projeta dar continuidade na escalada na lista de artilheiros. Com 119 gols, Ézio é próximo concorrente a ser batido. Como alcançar o líder do ranking Valdo (com 319 gols) parece improvável, Fred tem motivação de sobra para subir o máximo que puder na seleta lista.
Em 470 partidas como profissional, Fred já marcou 263 gols, mas acredita que tem fôlego para continuar dando trabalho aos goleiros.

Você pode gostar