Com dores na coxa direita, Conca será poupado e não efrenta o Volta Redonda

Incômodo muscular continua e argentino não vai jogar a última partida da primeira fase do Carioca. Michael também desfalca

Por O Dia

Rio - Autor do único gol tricolor na derrota de 3 a 1 para o Horizonte, na última quinta-feira, no Ceará, na estreia da Copa do Brasil, o meia conca ainda sente dores na coxa direita, que fizeram o meia pedir para ser substituído no intervalo do confronto com o time cearense. Para preservar o camisa 11, o departamento médico do Fluminense achou melhor poupar o argentino do jogo contra o Volta Redonda, válido pela última rodada da Taça Guanabara. 

Conca, que marcou o único gol do time na derrota para o Horizonte, vai ser poupado do jogo deste domingoDivulgação

Conca sequer foi a campo no treino da manhã deste sábado, nas Laranjeiras. Os médicos do clube têm a preocupação com o desgaste do meia. O argentino chegou ao Fluminense sem ter férias, pois seu contrato com o Guangzhou Evergrande, da China, terminou próximo ao Natal e logo no início de janeiro deste ano acertou sua volta ao ao Tricolor. Na atual temporada, o atleta já atuou em 14 das 15 partidas do time.  

Outra baixa no elenco é o jovem Michael. O atacante também não vai viajar para Macaé, onde o time enfrenta o Volta Redonda. Ele continua tratando do músculo adutor da coxa direita e ainda não tem previsão de voltar às atividades com os companheiros.