De volta ao Fluminense após dez anos, Angioni chega motivado: 'Quero ser feliz'

Dirigente será o novo diretor executivo de futebol do clube

Por O Dia

Rio - Após dez anos afastado, Paulo Angioni está de volta ao Fluminense. O dirigente será o novo diretor executivo de futebol do Fluminense, cargo ocupado no começo do ano por Felipe Ximemes, mas que estava vago há três meses, desde que ele deixou o Tricolor. Em sua terceira passagem pelo clube carioca, o novo contratado mostrou muita safisfação em retornar às Laranjeiras.

Depois de dez anos%2C Angioni está de volta ao FluminenseDivulgação

"Para mim é sempre uma satisfação voltar a trabalhar no Rio de Janeiro, especialmente no Fluminense. Por tudo o que vivi no futebol, acho que fiquei devendo um pouco na minha passagem no Fluminense. Venho para tentar ajudar o clube a conquistar um título. É uma oportunidade única na minha carreira. Prazer de voltar a trabalhar no Fluminense. Quero ser feliz aqui", afirmou o dirigente que também passou entre os anos de 2000 e 2002.

Sobre sua política de trabalho, Paulo Angioni afirmou que gosta de conversar e de que tem opiniões muito abertas. O dirigente chega ao clube carioca em meio a uma turbulência entre a presidência do Tricolor e o seu patrocinador.

"Eu trabalho de uma forma bem horizontal, gosto de compartilhar. Minha forma de gestão não tem a figura de chefe, gosto de compartilhar ideias, trabalhar ouvindo todos. Mesmo com 33 anos no futebol sigo aprendendo. Em momento algum me coloco como uma pessoa que sabe mais do que outra e busco harmonia nas ações", concluiu.