Elivélton se firma na zaga e abre caminho para a garotada do Fluminense

Com lesão de Gum e Henrique, Zagueiro vira titular absoluto

Por O Dia

Rio - Elivélton abriu caminho para os demais ex-colegas de Xerém ganharem moral nas Laranjeiras nesta temporada. O zagueiro, de 22 anos, pegou a vaga de titular com a saída de Leandro Euzébio, e nem mesmo a contratação de Henrique diminuiu o seu espaço.

Ele entrou no sistema de rodízio com o ex-defensor do Bordeaux e ficou com a vaga definitiva após a grave lesão de Gum. Como Henrique foi submetido a artroscopia na terça-feira, ele vê de perto a ascensão de Marlon, de 18 anos.

Elivélton vem tendo sequência como titular do FluminenseDivulgação

Sem medo da pressão, Elivélton se sente pronto para agarrar a tão sonhada oportunidade: “Estou bem feliz. É uma oportunidade que sempre busquei. Sei que nunca posso me contentar. No futebol é preciso evoluir sempre. Procuro corrigir e melhorar nos treinos e nos jogos.”

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

Com Gum e Henrique fora de combate, Elivélton deixou o departamento médico apreensivo na manhã de ontem ao se queixar de um incômodo na coxa direita. Acompanhado de perto pelos médicos, ele se preservou em alguns movimentos, mas garante que não é problema para encarar o Bahia, sábado, no Mané Garrincha, em Brasília.

“Foi só um ‘incomodozinho’, por sequência (de jogos). O desgaste é grande, mas comum. Não preocupa. Dei uma segurada. Foi melhor não forçar. Eu estava sempre perguntando ao médico porque perdemos dois jogadores por lesão”, disse Elivélton.

Pelo Fluminense, ele disputou 57 partidas e foi titular em 51 oportunidades. Como Fabrício não faz mais parte dos planos do técnico Cristóvão Borges, Elivélton se firmou de vez no grupo. E agora comemora o prestígio dos colegas de base, como Marlon, Fernando, Rafinha, Kenedy e Biro Biro, que têm recebido mais chances com a atual comissão técnica tricolor.