Por pedro.logato

Rio - A sorte sorriu para Guilherme Mattis. Aposta do técnico Cristóvão Borges, o zagueiro está invicto desde a estreia como titular. A sequência de quatro vitórias no Brasileiro não apenas recolocou o Fluminense no G-4 como aumentou a confiança do ‘gigante’ de 1,94m na conquista de uma vaga na Libertadores de 2015.

Guilherme Mattis vem conquistando seu espaço no FluminenseDivulgação

“O pessoal está confiante e empolgado. Conseguir quatro vitórias seguidas num campeonato difícil como é o Brasileiro deixa o grupo mais confiante. Será importante para a sequência, pois temos esse projeto, essa missão Libertadores”, disse Guilherme Mattis.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

Contratado no último dia da janela de transferência, ele viu a chance de ser titular cair no colo com a lesão de Henrique, submetido a uma artroscopia no joelho direito, além da desconfiança da torcida em Fabrício. Gum já havia sofrido a fratura na tíbia esquerda quando Mattis chegou.

Ao lado de Marlon, de 19 anos, ele se firmou. O entrosamento tem aumentado, assim como a confiança do defensor, de 24 anos. “Nenhum jogador vence sozinho, é uma sequência de posicionamentos e momentos no jogo para, numa decisão de segundos, fazer uma defesa. São grandes jogadores. Assim, o entrosamento é natural”, disse.

Nesta terça, Marlon e Henrique começaram a fazer trabalho de campo. O primeiro pode estar à disposição contra o Coritiba.

Você pode gostar