Fred marca duas vezes e Fluminense goleia o Corinthians no Maracanã

Apesar da vitória maiúscula, o Tricolor não briga por mais nada no Campeonato Brasileiro. Timão ainda luta por Libertadores

Por O Dia

Rio- Mesmo sem chances de chegar à Libertadores, o Fluminense deu uma bela vitória de presente aos torcedores que foram ao Maracanã na tarde deste domingo. Saindo em desvantagem, buscou a reação e goleou o Corinthians por 5 a 2. Fred (duas vezes) Edson, Conca, Rafl (contra) Guerrero e Danilo fizeram os gols da partida.

Sonolento no primeiro tempo, o Tricolor viu o atacante peruano abrir o placar logo aos quatro minutos. Sem criatividade, os cariocas só chegaram ao gol de empate porque Ralf mandou contra própria meta. O Timão dominou o duelo até o começo da segunda etapa. Depois disso, o Tricolor deslanchou. Fez três gols no intervalo de 13 minutos e encaminhou o triunfo. Danilo ainda fez o segundo do Timão aos 38, mas de nada adiantou, porque, no apagar das luves, Conca decretou a vitória por 5 a 2.

O revés deixou o Corinthians na quarta colocação, com 66 pontos, precisando ao menos de um empate na última rodada, diante do rebaixado Criciúma para se manter no G-4 e alcançar a vaga para Libertadores. O Tricolor, por sua vez, não briga por mais nada no Brasileirão.

FOTOGALERIA: Confira as imagens da vitória do Fluminense 

Fluminense venceu o Corinthians por 5 a 2 Uanderson Fernandes

O JOGO

Mesmo precisando apenas do empate para carimbar de vez a vaga para Libertadores, o Corinthians deu seu cartão de visitas logo cedo. Aos quatro minutos, Malcom foi lançado por Renato Augusto, apareceu sozinho na frente de Cavalieri e bateu de biquinho. O goleiro tricolor fez boa defesa, mas Guerrero, esperto, pegou o rebote para abrir o placar: 1 a 0.

O Timão dominava as ações e quase fez o segundo em duas jogadas de bola parada. Atento, Cavalieri foi bem nas duas oportunidades, evitando gol contra de Fred e defendendo cabeçada de Guerrero. Antes disso, no entanto, saiu jogando mal e quase viu o atacante peruano fazer mais um. A zaga se antecipou e cortou para escanteio.

O Tricolor até tentava, mas não conseguia furar o bloqueio dos paulistas, que se fechavam muito bem. Em uma das raras chances, Fred recebeu cruzamento de Conca, testou para o fundo das redes, mas o árbitro anulou bem o lance, marcando impedimento.

Se com a bola rolando estava difícil, o empate veio com uma ajudinha do próprio Corinthians. Conca cobrou falta na área e Ralf cabeceou contra a própria meta, não dando chances para Cássio: 1 a 1 e tudo igual no primeiro tempo.

Na volta para segunda etapa, o Timão começou pressionando. Diego Cavalieri precisou trabalhar. Primeiro, espalmou para escanteio cabeçada de Malcom. Depois, defendeu chute de Elias à queima roupa. O castigo para o Corinthians veio em dose tripla.

Aos 12 minutos, Carlinhos cruzou, Fred brigou, a bola sobrou para Edson ganhar de Fabio Santos e completar para o fundo rede: 2 a 1. Em seguida, Gil fez pênalti em Conca. Fred foi para batida e não desperdiçou: 3 a 1. Fabio Santos fez falta fora da área em Kenedy, mas o árbitro assinalou penalidade máxima. Fred cobrou no canto e marcou o quarto.

Em desvantagem, o Corinthians partiu para o abafa, mas só conseguiu descontar aos 38 minutos com gol de Danilo de cabeça. Depois disso, o que se viu foi um show de Cavalieri, com belas defesas. No apagar das luzes, o time das Laranjeiras ampliou com Conca: 5 a 2 e festa no Maracanã.

FLUMINENSE 5 X 2 CORINTHIANS

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Goiás)

Estádio: Maracanã

Gols: Guerrero (1ºT 4'), Rafl contra (1ºT 39'), Edson (2ºT 12'), Fred (2ºT 19' e 2ºT 25'), Danilo (2ºT 38'), Conca (2ºT 46')

Cartões amarelos: Marlon (Fluminense), Gil (Corinthians), Carlinhos (Fluminense), Fabio Santos (Corinthians), Renato Augusto (Corinthians), Guerrero (Corinthians)

Cartões vermelhos: Marlon (Fluminense)

Fluminense: Diego Cavalieri, Edson, Guilherme Mattis, Marlon, Carlinhos; Valencia, Diguinho, Wagner (Gustavo Scarpa), Conca, Rafael Sobis (Kenedy) e Fred (Walter).

Corinthians: Cássio, Fagner, Gil (Danilo), Felipe, Fabio Santos; Ralf, Elias (Jadson), Petros, Renato Augusto, Malcom (Luciano), Guerrero.