De olho no rendimento do Flu, Wagner afirma que Carioca é preparatório

Meia avalia fase do Tricolor no Estadual, defende trabalho de Cristóvão Borges e ressalta importância da garotada de Xerém

Por O Dia

Rio - O Fluminense já iniciou sua semana para se recuperar no Campeonato Carioca. Na coletiva desta terça-feira, o meia Wagner lamentou a derrota para o Macaé no último domingo, mas ressaltou que a equipe vai trabalhar forte e está confiante para dar a volta por cima no Estadual e disputar uma vaga na semifinal.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

"Tivemos um jogo complicado, os caras vieram para definir na bola parada e foram felizes. Agora é levantar a cabeça e procurar vencer, temos que pensar nas próximas três partidas que teremos em casa. O quanto antes pegarmos a vaga na semi, melhor. Derrotas, vitórias e empates acontecem. Queremos estar entre os quatros e brigar lá na frente. É o objetivo. Não podemos achar que está tudo errado. Quando estávamos bem, não estávamos de salto alto. O mesmo deve acontecer agora. O Carioca é o vestibular para o Campeonato Brasileiro", afirmou.

Wagner avaliou a fase do Tricolor no Carioca e elogiou as atuações da garotada de XerémUanderson Fernandes

Após a derrota para o Macaé, um clima de desconfiança surgiu no elenco Tricolor. Tendo em vista os tropeços no Carioca, Wagner ressaltou que a cobrança sempre será necessária para obter os resultados.

"Na hora que ganha, elogios, titular, campeão. Se perde, não presta mais. A dura realidade do esporte é essa. Tem de saber como vencer, os benefícios da vitória. Quando sentir na pele... se quiser seleção, tem de querer mais, se espelhar Fred, Cavalieri. O mesmo chão que caímos é o que usamos para levantar", acrescentou.

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Carioca

O meia aproveitou a entrevista para sair em defesa do técnico Cristóvão Borges, que vem sendo muito contestado pela torcida tricolor por conta dos resultados recentes no Carioca. 

"Quando Cristóvão chegou, fomos muito bem. Com o tempo passamos a ter dificuldades. Alguns jogadores chegaram e as coisas vão amadurecendo. Foi ele quem fez esse grupo aqui, ele que pediu a permanência de alguns jogadores, ele que está lançando os garotos. Temos que trazer a vitória para que ele permaneça", ressaltou.

VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Carioca

O jogador aproveitou para comentar sobre as orientações e cuidados que o elenco tem com a molecada de Xerém: "Que esses jogadores venham a amadurecer. É na derrota que aprende, temos que conversar, temos que orientar no treino. Cada um tem que refletir após o jogo. Nós já fomos jovens um dia".

Com 21 pontos, o Fluminense ocupa a 5º colocação no Campeonato Carioca e está fora do G-4. O Tricolor volta a campo no próximo sábado, contra o Tigres, às 18h30, no Maracanã.