Por victor.abreu

Rio - Decisão por pênaltis é a hora dos goleiros brilharem. Normalmente é com defesas, mas no jogos deste sábado, entre Fluminense e Botafogo, no estádio Nilton Santos (Engenhão), foi com os pés que Renan e Diego Cavalieri ganharam protagonismo, depois do jogo terminar 2 a 1 para o clube de General Severiano. Depois de 10 cobranças para cada equipe, a vaga na final do Estadual poderia ser decidida nas cobranças dos arqueiros, e foi. O tricolor isolou sua cobrança, deixando o alvinegro confiante para marcar. Depois de virar "vilão", restou ao goleiro Diego Cavalieri se explicar.

Cavalieri é consolado por Gum ao fim do jogoErnesto Carriço

FOTOGALERIA: Renan derrota Cavalieri e classifica o Botafogo

"A gente, às vezes, acaba batendo no treino mas nao é a mesma coisa. Acabei errando. É primeira vez (que eu bato), acabei errando e eles foram felizes", disse Diego Cavalieri, após o jogo.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

Agora, fora do campeonato carioca, o Fluminense foca na sua estreia do Brasileirão-2015, contra o Joinville, dia 9 de maio, às 21h, no Maracanã. Já classificado para as oitavas de final, o Tricolor ainda terá a Copa do Brasil pela frente.


Você pode gostar