Fluminense está com olhos atentos no clássico contra o Flamengo

Enderson Moreira minimiza estreia de Cristóvão Borges no Rubro-Negro neste domingo, às 18h30, no Maracanã

Por O Dia

Rio - Com um pouco mais de uma semana de trabalho, Enderson Moreira já começa a dar a sua cara ao Fluminense. Nos treinos, o time aparece mais compacto, rápido e atento. Mas, depois de estrear contra o poderoso Corinthians com um empate sem gols, o time tem um teste de fogo contra o maior rival, ainda mais se do outro lado estreia um treinador que conhece bem as Laranjeiras: Cristóvão Borges.

“Eu acho que o Cristóvão conhece os detalhes dos jogadores do Fluminense, mas os jogadores também conhecem muito sobre ele, sobre as ideias, sobre aquilo que pensa do futebol. Sempre vai haver essa troca de informações. Mas não é apenas uma questão que vai definir o resultado do jogo. O que vai definir são as atitudes dos atletas dentro de campo. E nós vamos aproveitar bem as oportunidades”, disse, confiante, o técnico tricolor.

Enderson treinou muito as jogadas de bola paradas defensivas e pediu que não se filmasse.
Embora esteja em sua segunda partida, ele sabe da importância de um jogo com o rival. Uma vitória pode fazer o time embalar, mas uma derrota certamente trará nuvens carregadas ao clube.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

Enderson Moreira minimiza estreia de Cristóvão Borges no FlamengoDivulgação

“A cada dia é conseguir dar um passinho para frente. Os jogadores estão muito dedicados nos trabalhos, no entendimento daquilo que a gente quer. Estamos evoluindo”, frisou. Enderson admitiu que o Fla-Flu é um jogo especial, de grandes proporções em todos os aspectos: “Espero que façamos uma grande partida, sabendo da força do Flamengo, mas confiando muito no grupo que nós temos, no que somos capazes de fazer durante os noventa minutos.”

Depois de boa semana de treinos, Pierre ganha afago

Um dos destaques nos treinos da semana do Fluminense, o volante Pierre ganhou um carinho do treinador Enderson Moreira. Após o treino de ontem, o comandante conversou com o jogador e fez questão de dizer que ele está com o moral elevado.

“Sempre gosto de conversar com alguns atletas. O Pierre vem de Belo Horizonte e eu sou de lá. Perguntei sobre a experiência dele no Atlético Mineiro, da cidade. É um jogador extremamente qualificado. Gosto de dizer que temos 13, 14 titulares e o Pierre é um desses. Momentaneamente, vai estar fora da equipe, mas está sempre muito próximo e vai participar de muitos jogos. A competitividade interna precisa estar sempre latente no grupo”, afirmou o treinador.

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Brasileiro

Além de Pierre, o atacante Magno Alves fez bons treinos no time reserva e também é uma opção imediata do treinador para o setor ofensivo, assim como o zagueiro Henrique é a primeira opção na defesa.

Jogadores treinam pênaltis

Para evitar surpresas, alguns jogadores tricolores treinaram pênaltis após o treinamento. O destaque foi Wagner, que acertou as cinco cobranças que tentou.

Fred, o batedor oficial, chutou cinco vezes e fez três gols. Uma foi defendida pelo goleiro Julio Cesar e outra bateu na trave esquerda. Já Gerson teve 50% de aproveitamento, marcando dois gols, com Julio Cesar defendendo outros dois chutes. O titular Diego Cavalieri apenas observou de longe.