Por jessica.rocha

Rio - Enquanto tenta montar o quebra-cabeça do Fluminense, Enderson Moreira também deseja uma vitória contra a Chapecoense para enfim passar uma borracha na derrota para o Vasco, no último domingo. Mesmo sabendo da dificuldade que é jogar na Arena Condá, o técnico acredita no elenco tricolor, porém, pregou cautela, alertando os perigos do adversário em Santa Catarina. 

"Já enfrentei a Chapecoense duas vezes lá e sei que é muito difícil. Torcida participa muito, é uma pressão enorme. Faz uma boa campanha em casa. Vinicius Eutrópio eu respeito muito. Não é fácil conseguir pontuar lá, mas vamos com a expectativa de conseguir a vitória", afirmou. 

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

De olho na Chapecoense, Enderson faz testes na equipe titular do FluminenseDivulgação / Fluminense

Questionado sobre a caminhada rumo ao título do Campeonato Brasileiro, Enderson fez questão de ressaltar que a competição é longa e tudo poder mudar de uma hora para outra.

"Eu tenho uma forma de trabalhar tranquila, com objetivos claros. Cria-se a expectativa de vencer para entrar no G-4, para ser líder, mas vejo o Brasileiro como uma corrida de longa distância. Maioria dos anos existe alternância de líder. Se eu entrar só na 38ª não vou ficar triste não", acrescentou.

Possível substituto de Gerson, que está suspenso, Osvaldo falou sobre sua estreia com a camisa tricolor e afirmou que não teve tempo de mostrar a que veio. Para o meia, uma vitória em Santa Catarina ajudará o Fluminense a seguir vivo no G-4 e apagar a última derrota. 

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Brasileiro

"Não foi a que eu esperava, mas pude mostrar já minha característica de velocidade, de ajudar os companheiros. Feliz de entrar. Expectativa para o próximo jogo é de conseguir uma vitória. Vou jogar aberto, na costa dos laterais. Isso que o Enderson tem pedido. Vou tentar fazer da melhor forma para ajudar. O que apaga uma derrota é conseguir uma vitória logo em sequência. No clássico iguala muito. No domingo temos que conseguir a reação já", disse o jogador.

Com 27 pontos, o Fluminense ocupa a 3° colocação na tabela do Brasileirão. Neste domingo, o Tricolor encara o Chapecoense, às 11h, na Arena Condá.

Você pode gostar