Santo fora de casa faz milagre?

Contra o Joinville, Fluminense inicia o returno do Brasileiro em busca de regularidade para se manter no G-4

Por O Dia

Rio - Em busca de regularidade fora de casa, o Fluminense inicia o segundo turno do Brasileiro, neste domingo , às 16h, contra o Joinville, em Santa Catarina, com o antigo objetivo de conquistar, longe do Rio, as vitórias que escaparam na primeira parte da competição. Sem Ronaldinho, poupado, e Diego Cavalieri, com lombalgia, a esperança é de que os mesmos reservas que decidiram a partida contra o Paysandu, quinta-feira, pela Copa do Brasil, ajudem o Tricolor.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

“Temos de buscar a regularidade. Não pode sair e voltar com derrota. Tem de pontuar sempre. O Corinthians é regular e está à frente no campeonato. Mesmo não jogando bem, foi regular. Precisamos disso no Brasileiro”, frisou o técnico Enderson Moreira.

Para conquistar sua terceira vitória fora de casa, o Fluminense conta com o capitão Fred. Ele saiu no intervalo do jogo contra o Paysandu sentindo dores na coxa, mas viajou com a equipe e está escalado. Outro que pode reaparecer no time, mas apenas no segundo tempo, é o meia Vinícius, que se recuperou de fratura no pé esquerdo e fica como opção no banco de reservas.

Recuperado de dores musculares%2C Fred foi relacionado para encarar o Joinville Márcio Mercante / Agência O Dia

“Sempre falo que não gosto de lamentar quem não atua. Gosto de enaltecer e dar valor a quem entra em campo. Só se conseguem bons resultados com elenco qualificado. É momento de parabenizar quem está tendo esta oportunidade”, analisou Enderson Moreira.

Após a grande atuação contra o Paysandu, o goleiro Júlio César está mantido entre os titulares, no lugar de Diego Cavalieri. Na lateral-direita, Wellington Silva dará vaga a Renato. A única dúvida do treinador é de quem formará o meio de campo ao lado de Edson, Jean e Cícero. Lucas Gomes e Rafinha brigam por uma vaga. Vinícius corre por fora. Osvaldo, Gerson e Pierre, porém, continuam fora do time.

UM GARÇOM FELIZ E COM FOME DE GOLS

Improvisado na lateral esquerda, Gustavo Scarpa tem dado conta do recado e recebido elogios de Enderson Moreira. Apoiador de origem, ele revela que sente falta de fazer gols, mas admite que curte a fase de garçom, tanto que ainda comemora o cruzamento preciso para o gol de Magno Alves, o primeiro na vitória de 2 a 1 sobre o Paysandu, na quinta-feira.

“Pude desempenhar um papel importante e influenciar diretamente no resultado. Espero que isso se repita contra o Joinville. Queria ter feito gol também, mas fui feliz em acertar um lindo passe”, disse Scarpa.