Eduardo Baptista comemora vaga e elogia a postura do Flu: 'Acordamos'

Tricolor Carioca avançou após empate com o Grêmio

Por O Dia

Rio Grande do Sul - No seu quarto jogo no comando do Fluminense, o treinador Eduardo Baptista parece estar começando a ficar satisfeito. No duelo contra o Grêmio, o clube carioca empatou por 1 a 1 e avançou às semifinais da Copa do Brasil. Bastante feliz, o comandante afirmou, em entrevista coletiva em Porto Alegre, que a equipe das Laranjeiras já demonstra uma outra iniciativa dentro de campo.

Fluminense se classificou em Porto AlegreDilvugação

Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

"Minha função era despertar. Acho que hoje despertamos. Sabemos como é difícil eliminar o Grêmio dentro da Arena. Soubemos neutralizar as forças do Grêmio no segundo tempo. Tudo o que falamos, os jogadores acreditaram. Todos muito empenhados, dedicados. E o resultado está aí. Falei para eles: temos oito dias para mudar a história. Começamos a construir uma nova história. Minha emoção está aí", afirmou.

Dentre as qualidades que o Fluminense mostrou em campo, a mais elogiada pelo treinador foi a defesa. Segundo Eduardo Baptista, em momento algum o clube das Laranjeiras foi ameaçado pelo Grêmio.

"Do jeito que nós jogamos hoje, principalmente no sistema defensivo, só tomaríamos gol como tomamos, num bate rebate. Conseguimos neutralizar pelos lados. Era ter atenção com bola parada. Não me senti ameaçado em momento nenhum, de perder a classificação. Era só ter atenção e esperar o jogo acabar", disse.