Jonathan analisa estreia, fala de Europa e quer lutar por titularidade no Flu

Lateral-direito fala de sua experiência na Inter de Milão e admite não estar na sua melhor forma física

Por O Dia

Rio - A derrota do Fluminense por 3 a 2 para a Chapecoense no último sábado, pode não ter sido boa para o time. Porém, apesar do revés, teve um gostinho especial para Jonathan, que estreou com a camisa tricolor naquele jogo. Autor da assistência que resultou no gol de Gustavo Scarpa, o lateral-esquerdo fez sua análise da partida e admitiu, em entrevista concedida nesta terça-feira, não estar na sua melhor forma física.

"Analisando bem o jogo e o período que fiquei parado, achei que foi uma boa estreia. Não estou na melhor condição (100%). Estou 60%, mais ou menos, sendo o meu primeiro jogo depois de mais de um ano parado. Agora, minha intenção é jogar esses quatro jogos. Eu sei e tenho convicção de que posso ajudar mais o Fluminense do que o que foi apresentado contra a Chapecoense", afirmou. 

Jonathan acredita que fez uma boa estreia com a camisa tricolor no último sábadoDivulgação / Nelson Perez

Jonathan veio da Inter de Milão, da Itália, e aproveitou para falar um pouco da sua experiência na Europa, ressaltando que, atualmente, é um novo jogador.

"A minha experiência lá fora... Posso dizer que sou outro Jonathan. O que aprendi taticamente é até difícil de explicar. A minha noção defensiva e de ataque é completamente diferente do que tinha antes. Já até falei com o treinador que posso orientar os atletas da mesma posição. Taticamente, sou outro jogador", acrescentou.

Mas engana-se quem pensa que só porque o Fluminense não briga mais por título, que o lateral não queira  brigar por uma vaga entre os titulares: "Eu não estou em clima de fim de festa. Esses quatro jogos podem definir permanência ou saída de atletas. Os jogos podem nos deixar nas oitavas da Copa do Brasil do ano que vem."