Eduardo Baptista mantém confiança, mas diz: 'A torcida não está satisfeita'

'Temos de trabalhar para mudar isso', avisa o técnico

Por O Dia

Rio - Eduardo Baptista sabe que a pressão será maior após a derrota para o Botafogo, nesta quarta-feira, em Cariacica. Porém, o técnico do Fluminense não perde a confiança e se mantém focado em mudar a situação.

Eduardo Baptista tenta mudar a situação do FluminenseNelson Perez / Fluminense F.C. / Divulgação

"Seria egoísmo pensar em mim neste momento. Penso e trabalho para o Fluminense. Assim que será. Temos de seguir trabalhando. A torcida não está contente, não estamos apresentando um bom futebol. Temos de trabalhar para mudar isso. Estamos a duas vitórias da classificação. Aí começa um novo Carioca", declarou Eduardo Baptista.

O Fluminense está na quarta colocação do Grupo A do Carioca, com apenas sete pontos. O técnico mostra confiança de que a situação vai melhorar.

"Ninguém aqui desistiu de nada. O abatimento é normal quando se joga e perde dois clássicos. Mas ninguém aqui jogou a toalha. Todos são homens e já mostraram o que podem fazer. Agora temos de transformar isso em resultados", avisou Baptista, que conversou com os atletas no vestiário:

"Olhei nos olhos dos jogadores. Estavam todos abatidos, mas de cabeça em pé. Estamos tristes, mas juntos para resolver essa situação e classificar. Aí o Carioca começa", finalizou.