Fluminense resolve em 13 minutos e vence a primeira na Taça Guanabara

Tricolor bate o Boavista com facilidade no Estádio Los Larios

Por O Dia

Rio - O Fluminense precisou de apenas 13 minutos para resolver a partida e dar nova prova de evolução sob o comando do técnico Levir Culpi. O Tricolor venceu o Boavista, neste domingo, por 3 a 0, no Estádio Los Larios, e venceu o primeiro jogo na Taça Guanabara.

Fluminense venceu o Boavista com facilidadeMailson Santana / Fluminense F.C. / Divulgação

Sob o comando de Levir, o Fluminense já garantiu vaga na decisão da Primeira Liga e vai se acertando. A aposta no técnico em Osvaldo tem dado certo - ele foi um dos destaques da vitória sobre o Boavista. Gerson e Jonathan também foram bem. Outros dois que subiram de produção com o comandante.

Com a vitória, o Fluminense pulou para cinco pontos e está na terceira colocação da Taça Guanabara. Na próxima rodada, na quarta-feira, às 19h30, encara o Bangu, em Edson Passos. O Boavista continua com três pontos e ocupa a sexta colocação. Na quarta, às 15h30, recebe o Madureira em Bacaxá.

O jogo

O Fluminense não demorou a ter o controle da partida. O primeiro gol saiu logo aos seis minutos. Gerson deixou Osvaldo na boa. A bola passou por entre as pernas de Vinícius e entrou. O atacante era opção constante pela esquerda e quase fez o segundo. Por sinal, o setor foi o caminho das pedras.

Wellington Silva, novamente improvisado na esquerda, desceu e cruzou para área. Luiz Alberto, aquele mesmo revelado pelo Flamengo e com passagem pelo Fluminense, tentou cortar, mas fez contra: 2 a 0. Isso com 13 minutos de jogo.

Em vantagem, o Fluminense diminuiu o ritmo. O Boavista, porém, pouco ameaçou. Levir Culpi perdeu Osvaldo na etapa inicial. Ele recebeu uma pancada no quadril e deu lugar a Marcos Junior. O segundo tempo foi semelhante. O Tricolor administrou o resultado. O time de Saquarema até acertou o travessão. Com tranquilidade, o Flu deixava o tempo passar e ainda ampliou o placar. Cícero surgiu na área e completou cruzamento de Gustavo Scarpa. Foi o 150º gol da carreira do volante.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 3X0 BOAVISTA

Estádio: Los Larios
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo
Gols: Osvaldo (Fluminense, aos 6' do 1ºT), Luiz Alberto (Boavista, gol contra, aos 13' do 2ºT) e Cícero (Fluminense, aos 39' do 2ºT)
Cartão amarelo: Matheus Paraná e Leandrão (Boavista) e Gum e Marcos Junior (Fluminense)
Cartão vermelho: -

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Jonathan, Gum, Henrique e Wellington Silva; Pierre, Cícero e Gerson (Douglas, aos 28' do 2ºT); Gustavo Scarpa, Osvaldo (Marcos Junior, aos 44' do 1ºT) e Fred (Magno Alves, aos 12' do 2ºT); Técnico: Levir Culpi.

BOAVISTA: Vinícius; Thiaguinho, Victor, Luiz Alberto e Romarinho; Douglas Pedroso, Júlio César e Guilherme Costa (Lucas, aos 33' do 1ºT); Matheus Paraná (Thiago Silva, aos 23' do 2ºT), Reinaldo (Willian Maranhão, aos 23' do 2ºT) e Leandrão. Técnico: Rodrigo Beckham.