Levir Culpi repete pela primeira vez escalação contra o Bangu

Flu busca vitória para se manter no G-4 da Taça Guanabara

Por O Dia

Rio - Seguindo o ditado que “Em time que está ganhando, não se mexe”, Levir Culpi deve repetir a escalação do Fluminense pela primeira vez contra o Bangu, pela segunda fase do Campeonato Carioca, em Edson Passos, às 19h30. A dúvida que pairava a cabeça do treinador era escalação ou não de Osvaldo, que treinou ontem e se mostrou recuperado de uma pancada que sofreu no quadril na partida contra o Boavista, no último domingo.

Fluminense quer manter boa fase na temporadaDivulgação

Além de tranquilizar o torcedor, que vai se acostumando com o time utilizado pelo técnico, a definição dos titulares também deixa os jogadores do Tricolor mais à vontade. Segundo o volante Pierre, a formação de um conjunto é ideal para a equipe voltar a ser competitiva e não ser instável durante as partidas.

“O Levir procura dar sequência ao mesmo time. Estamos criando uma cara nova, uma identidade. Esperamos que o encaixe continue sem esquecer que há espaço para evolução”, afirmou.

Mesmo com um retrospecto amplamente favorável, o sentimento no Flu é de respeito ao Bangu. O Alvirrubro não vence o Fluminense a 17 anos e não balança às redes do Tricolor a sete anos. A última vitória banguense foi no Carioca de 98, por 2 a 1 em Moça Bonita, válido pela primeira fase da competição.

“É jogo difícil. Está na segunda fase da competição por mérito. Tem bons jogadores, como o Almir. Temos de nos adaptar ao estádio. É um jogo de superação”, Disse Pierre.