Por renata.amaral

Rio - Apesar de não ter mexido no time do Fluminense no treino desta manhã, nas Laranjeiras, Levir Culpi afirmou que a formação do Tricolor ainda não está definida - principalmente pensando no restante da temporada. O técnico, que pediu reforços para o ataque, garantiu ainda ter dúvidas para a escalação da equipe.

"Ainda tenho dúvidas no time, isso não vai acabar nunca. É uma coisa interessante. Até o Barcelona agora tem dúvidas. Na Inglaterra, você vê o que o Leicester conseguiu. Ninguém esperava, mas acontece. Sempre existem as surpresas, mesmo que não sejam agradáveis", analisou Levir, que completou elogiando o formato da Copa do Brasil:

"A Copa do Brasil é muito interessante. São jogos perigosos, é tudo ou nada. Um jogo pode decidir a classificação. Gosto muito desse campeonato. O custo benefício é ótimo, te leva para a Libertadores. Todos querem ganhar."

Levir falou sobre os planos do Fluminense para o restante da temporadaDivulgação

O treinador manteve o time nesta manhã com Diego Cavalieri; Jonathan, Gum, Henrique e Wellington Silva; Pierre e Cícero; Osvaldo, Gerson e Gustavo Scarpa; Fred.

Com a semana livre para treinar, o Tricolor viaja ainda nesta terça-feira para Araraquara, onde enfrentará o Ferroviária, pela primeira partida da segunda fase da Copa do Brasil. Se vencer por dois gols de diferença, o Fluminense elimina o jogo de volta. O jogo acontece nesta quarta-feira, às 19h30, no Fonte Luminosa.

Apesar do grande foco na competição, Levir afirmou que já está pensando no início do Campeonato Brasileiro. O time das Laranjeiras estreia no dia 15, contra o América-MG.

"Ganhamos tempo para treinar, concentrar nos treinamentos, diminui o sufoco. São muitas viagens e jogos. Queríamos estar na final, mas ganhamos tempo para preparar os jogadores. Temos que aproveitar esse tempo em treinamento e formação de elenco", disse Levir.

"Estamos com dois objetivos, conversei com os jogadores hoje. Primeiro a Copa do Brasil, depois o Brasileiro. O objetivo do Flu é a Libertadores e o título. São três focos em 2016. Todos têm de pensar nisso. Precisamos ainda de um remanejamento do elenco, contratação de dois ou três jogadores. Estamos avaliando o mercado e as possibilidades. Estou feliz com o elenco", concluiu.

Você pode gostar