Por pedro.logato

Rio - No dia em que completou 19 anos, Richarlison ganhou um presentão de Levir Culpi. O atacante foi escalado entre os titulares no treinamento nas Laranjeiras e a expectativa de sua estreia oficial acontecer contra a Ferroviária, amanhã, pela Copa do Brasil, aumentaram consideravelmente.

Desde que chegou ao Fluminense no início do ano, o atacante disputou apenas duas partidas, ambas no torneio amistoso Florida Cup e agradou. Porém, depois, o garoto enfrentou duas lesões que o deixaram no estaleiro por mais de dois meses.

Richarlison está recuperado de grave lesãoNelson Perez / Fluminense F.C. / Divulgação

Primeiro, Richarlison fraturou o quinto metatarso do pé esquerdo e foi submetido a uma cirurgia. Recuperado, voltou a treinar e sofreu uma torção no tornozelo esquerdo.
Demorou, mas a grande chance com Levir Culpi chegou durante a atividade da tarde de ontem. Após testar Marcos Junior no lugar de Gerson, na segunda-feira, o treinador optou por formar uma dupla de ataque com o aniversariante do dia ao lado de Fred.

A motivação de Richarlison ficou evidente e ele se movimentou muito, sempre dando opção para os laterais e os meias Gustavo Scarpa e Osvaldo. O entrosamento com o capitão do time ainda precisa ser refinado, mas os companheiros preveem que ele obterá um rápido sucesso com a camisa tricolor.

“Ele é um menino que chegou com muita vontade, mas não pôde jogar por causa das lesões. Esperamos que agora ele possa jogar. Ele está muito focado e treina muito forte. Tenho Certeza que vai cair nas graças da torcida”, previu o lateral-esquerdo Giovanni.

Além da entrada do atacante de 19 anos, o comandante tricolor fez outra alteração na equipe com relação ao treino da segunda-feira. Jonathan perdeu a vaga para Giovanni e Wellington Silva voltou para a lateral-direita. No meio, Edson foi mantido no lugar de Pierre, que, com lesão na panturrilha, mais uma vez ficou fazendo tratamento.

Você pode gostar