'O Fluminense se abate muito rápido', analisa Levir Culpi após outra derrota

Tricolor perdeu por 4 a 2 para o Santos, nesta quarta-feira

Por O Dia

Espírito Santo - O Fluminense foi ao Espírito Santo encarar o Santos e volta para o Rio com mais uma derrota na bagagem. O placar de 4 a 2 para o time paulista afastou o Tricolor do G-4 do Campeonato Brasileiro e ainda ligou o sinal de alerta de Levir Culpi. O técnico se mostrou preocupado com a postura do time dentro de campo.

"O Fluminense se abate muito rapidamente. A derrota joga o time muito para baixo. Quando há empenho e situações para vencer, se tem esperança. Mas precisamos de um aproveitamento melhor. Alguns jogadores chegaram agora, precisamos ter continuidade e trabalhar em cima dos problemas da parte emocional. A decepção é muito grande quando acontece algo negativo. Não pode ser assim. Precisamos equilibrar melhor a equipe", disse o técnico, que completou amenizando o rendimento tricolor:

"Foram falhas muito visíveis. Estávamos estabilizados no setor defensivo e tentando ajustar o ataque. Por coincidência, nos dois últimos jogos tomamos muitos gols. Não é comum. São falhas que podemos corrigir. O time vai se estabilizar novamente. Um melhor aproveitamento ofensivo trará tranquilidade. Tivemos chances claras. Finalizamos três vezes no mesmo lance e não fizemos o gol. Os gols do Santos saíram mais facilmente."

Em meio às críticas, um jogador que conseguiu se destacar foi Magno Alves. Tendo chance de emplacar uma sequência como titular após a saída de Fred, o atacante foi alvo de muitos elogios de Levir.

"Magno dispensa comentários. É um jogador rápido, finalizador. Que sempre busca o gol. Merece um elogio à parte nesse jogo pela idade e pela capacidade que tem", comentou.

O Fluminense, agora na 13ª posição, com 13 pontos, encara o Flamengo no domingo, às 16h, na Arena das Dunas.