Flu promete punição a 'vândalos' e condena episódio de violência na sede

Torcedores tentaram invadir as Laranjeiras na terça-feira

Por O Dia

Rio - A turbulência do Fluminense teve mais um capítulo na terça-feira, quando torcedores protestaram e tentaram invadir as Laranjeiras e chegaram até a atirar uma pedra no ônibus que levava os jogadores a Volta Redonda. A diretoria tricolor se posicionou e, em nota oficial, nesta quarta-feira, condenou a atitude de quem chamou de "vândalos".

Torcedores do Fluminense tentaram invadir as LaranjeirasFabio Falcão Cazes

Confira a nota oficial do Fluminense

O Fluminense Football Club condena veementemente a atitude de alguns integrantes de torcidas organizadas que nesta terça-feira, além de tentarem invadir o clube, atiraram uma pedra no ônibus da delegação, na saída das Laranjeiras, rumo a Volta Redonda, para o jogo contra o Ypiranga, válido pela Copa do Brasil. O Fluminense entende a insatisfação dos torcedores e até mesmo a posição política, manifestada durante o protesto, mas não compactua e não aceita violência. As imagens dos agressores foram amplamente divulgadas pela imprensa e certamente serão usadas nas investigações da Polícia Militar e do Ministério Público, acionados para identificar os responsáveis pelos atos de vandalismo. Da mesma forma, puniremos os vândalos que por ventura venham a ser identificados como sócios do clube.