Bom presságio: Fluminense reencontra o Atlético-PR e quer ser feliz de novo

Tricolor venceu o rival na decisão da Primeira Liga e agora vai em busca da segunda vitória consecutiva no Brasileirão

Por O Dia

Curitiba - O Fluminense reedita neste domingo, às 16h, contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, a final da Primeira Liga conquistada pelo Tricolor em abril. Herói do título, Marcos Junior estará em campo e é a esperança de criatividade do time das Laranjeiras, que busca finalmente conseguir encaixar duas vitórias consecutivas no Brasileirão.

Autor do gol do título da Primeira Liga%2C Marcos Junior está confirmado no reencontro com o Atlético-PRMailson Santana / Fluminense F.C. / Divulgação

Mesmo atuando fora de casa, Levir Culpi mandará a campo uma formação ofensiva, com Richarlison e Samuel formando a dupla de ataque, e Maranhão e Marcos Junior na criação. A única mudança em relação à equipe que bateu o Cruzeiro na rodada anterior será a volta de Wellington Silva, que cumpriu suspensão, no lugar de Jonathan na lateral direita.

O reencontro com o rubro-negro paranaense traz boas lembranças para os tricolores e o comandante acredita que isso poderá se refletir no desempenho do time.

“Ajuda na parte psicológica, foi uma conquista muito bacana. O título da Primeira Liga veio em um jogo difícil. Tenho batido na tecla para os meus jogadores não simularem faltas. Especialmente nesse jogo, o Marcos Junior, um jogador que eu cobrava muito, ficou em pé, não caiu e acabou fazendo o gol. Teve um sabor especial, foi em cima do que a gente trabalhou”, analisou Levir.

Se ganhar neste domingo, o Fluminense chegará aos mesmos 24 pontos do Atlético-PR, porém, continuará atrás devido ao menor número de vitórias. O Tricolor tentará acabar com a sina de não conseguir dois triunfos seguidos no Campeonato Brasileiro.

Escalações

Atlético-PR: Weverton; Léo, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Hernani, Pablo e Giovanni; Walter e André Lima.

Fluminense: Diego Cavalieri; Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Douglas, Cícero, Maranhão e Marcos Junior; Richarlison e Samuel.