Cavalieri sonha com a Seleção, mas garante: 'Não é o que estou planejando agora'

Goleiro comemorou a boa fase defensiva do Fluminense e falou sobre a expectativa da primeira convocação de Tite para o Brasil

Por O Dia

Rio - Ter a segunda melhor defesa do Campeonato Brasileiro parece estar sendo uma motivação a mais para Diego Cavalieri. Com 18 gols sofridos, o Fluminense fica atrás apenas do Santos no quesito. Feliz com o bom momento, surge a expectativa com a próxima convocação da seleção brasileira. Será a primeira lista de Tite e o goleiro tricolor sonha em ganhar uma chance, apesar de não ser o objetivo principal. Ele teve oportunidades de vestir a amarelinha com Felipão, em 2013.

"As coisas acontecem naturalmente, Brasil tem excelentes goleiros, grandes valores atuando fora do país também. Enfim, não é uma coisa que estou planejando agora, mas é um novo treinador, nova filosofia, a gente está sempre trabalhando para voltar à seleção, todo atleta trabalha pensando nisso. Mas o Brasil nessa posição está muito bem servido", disse Cavalieri, que completou falando sobre a boa fase defensiva do Fluminense:

"É importante até porque é um setor que vira e mexe sofre muitas críticas. Temos hoje a segunda melhor defesa, trabalhamos para não tomar gol, não ficar tão exposto, e temos conseguido. Não temos oferecido tantas chances ao adversário, isso ajuda também. Tem contribuição do elenco como um todo, os homens de frente e de meio que ajudam na marcação. São números bons, de 19 jogos foram nove sem levar gols. Hoje está tudo muito nivelado, a gente sabe que se não levar gol e tiver um time compacto, forte taticamente. Ofensivamente temos jogadores de qualidade, rápidos que podem criar situações de gols. Em busca disso que a gente trabalha, ter um time equilibrado tanto para frente quanto para trás."

O Fluminense se prepara para encarar o Santa Cruz no domingo, às 16h, no Arruda. Com 28 pontos, o Tricolor é o nono colocado no Brasileirão.