Magno Alves lamenta má fase e não consegue encontrar explicação para resultados

Veterano do Fluminense saiu de campo visivelmente abatido com mais uma derrota e fez um apelo aos torcedores do clube das Laranjeiras

Por O Dia

Campinas - A má fase do Fluminense parece ser interminável. A derrota para a Ponte Preta neste domingo fez o clube completar oito jogos consecutivos sem nenhuma vitória. De quebra, as chances matemáticas de classificação para a próxima edição da Libertadores acabaram.

Leia também: Em jogo de pouquíssimas oportunidades, Fluminense perde para a Ponte Preta

Marcão mostra decepção após derrota contra a Ponte: 'Dói bastante'

Ao que tudo indica, nem mesmo os jogadores conseguem entender os motivos para a péssima fase em que o time se encontra. O atacante Magno Alves, um dos mais experientes do elenco, deixou o campo abatido com o revés.

"Não é falta de conversa, nem de treinamento, nem de empenho. A gente entende o lado do torcedor, mas eles também tem que ver que a gente não vai pra casa feliz. Nossa família e a gente fica triste. Não é uma justificativa porque futebol é resultado, mas é complicado começar bem no primeiro tempo e levar um gol no finzinho. Ficar oito jogos sem vencer é complicado", afirmou o camisa 40.

Com 49 pontos no Brasileirão, o Fluminense pode chegar a 55 caso vença as suas próximas partidas, contra Figueirense, já rebaixado, e Internacional. A pontuação seria suficiente para alcançar o Botafogo, atual sexto colocado, mas o Tricolor não superaria o rival no número de vitórias, primeiro critério de desempate.