Apesar das chances remotas de Libertadores, Richarlison ainda acredita na vaga

Atacante afirma que eleição para presidente do Fluminense 'não atrapalha em nada' na preparação do clube para o jogo contra o Figueirense

Por O Dia

Rio - Há oito jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, a equipe do Fluminense voltou a treinar na manhã desta quarta-feira, no CT Pedro Antônio. Sem chances de entrar no G-6, o clube carioca sonha com a possibilidade de ter um G-7 e assim poder disputar a Libertadores. O atacante Richarlison disse, assim como Wellignton, que os jogadores precisam honrar a camisa e que enquanto houver chances de disputar o torneio continental eles irão lutar pela vaga.

Richarlison acredita na vaga para disputar a LibertadoresNelson Perez/ Fluminense F.C. / Divulgação

"Nós acreditamos ainda. A equipe vem de oito resultados negativos, mas não abaixamos a cabeça. Vamos tentar uma vitória para termos chances de ficar na sétima posição e conquistarmos uma vaga na Libertadores. Somos profissionais e temos que honrar a camisa. Se temos chance, precisamos lutar", afirmou Richarlison. 

No próximo dia 26 ocorrerá eleição presidencial para o próximo triênio do Fluminense, mas Ricarlison garante que clima eleitoral no clube Tricolor não atrapalha a concentração dos jogadores para o jogo da penúltima rodada do Campeonato Brasileiro e ainda destaca a má fase que o time está vivendo.

"Acho que não atrapalha em nada. A equipe está concentrada, mas infelizmente os resultados positivos não estão vindo. Vacilamos em alguns jogos. Em alguns saímos na frente, mas não seguramos o placar. Nessa má fase a bola não entra, a gente perde pênalti, leva gol aos 45 do segundo tempo... Mas acontece, temos que passar por essa fase que a bola vai voltar a entrar", disse o atacante.

Com os últimos resultados o Fluminense se manteve com 49 pontos mas caiu para a 11ª posição na tabela do Brasileirão. O próximo confronto do Tricolor será diante do Figueirense, no próximo domingo, às19h30, no Orlando Scarpelli, em Santa Catarina.