Após conhecer filha recém-nascida, Sornoza volta com sede de vitória ao Flu

O equatoriano perdeu três dias de treinos para conhecer a primogênita, que nasceu no último dia 28 de janeiro

Por O Dia

Sornoza conheceu sua filha que nasceu no último dia 28 de janeiroReprodução Instagram

Rio - De bem com a vida, após a rápida adaptação ao Brasil e o nascimento da filha Dulce, Sornoza está de volta ao Fluminense, após viagem ao Equador, com sede de bola. O meia, que foi poupado contra o Internacional pela Primeira Liga, quer entrar logo em ação para ajudar o time a manter os 100% de aproveitamento no Carioca. 

O equatoriano perdeu três dias de treinos para conhecer a primogênita, que nasceu no dia 28, mas o ritmo, após a volta ao clube, não diminuiu. Ele se reapresentou ontem, no CT da Barra da Tijuca, e demonstrou muita motivação na atividade. O camisa 20 retorna ao time contra o Bangu, amanhã, em Los Larios.

Na derrota do meio da semana para o Inter, ficou evidente a falta que Sornoza faz ao Fluminense atualmente. O meio-campo foi lento e pouco criativo, diferentemente do que apresenta quando ele está no gramado. 

O setor tem sido o principal responsável pelo bom momento da equipe. Até agora, foram quatro vitórias e apenas uma derrota na temporada. Sornoza fez um gol e participou de outros três, mostrando que sua contratação foi um acerto da antiga diretoria. 

A dupla com Orejuela também enche os olhos de Abel e da torcida. O entrosamento fora de campo tem funcionado também dentro das quatro linhas. O bom momento vivido pelo jogador de 23 anos o enche de expectativa de retornar à seleção do Equador, acompanhando, assim, seu compatriota e companheiro de clube. 

Em 2014, o Sornoza foi convocado e participou de quatro partidas. Agora, espera ajudar o Equador nas Eliminatórias.